Preço da saca de soja recua para R$ 172,00

PARTILHAR
soja sendo carregada em navio
Foto: Divulgação

Passando por um leve ajuste acompanhando o dólar e CBOT, o que faz o preço da saca do em Paranaguá/PR recuar para R$ 172,00. Confira abaixo!

spot da soja encerrou o dia com os preços passando por um leve ajuste acompanhando o dólar e CBOT, o que faz o preço da saca do em Paranaguá/PR recuar para R$ 172,00.

Na CBOT, os futuros da oleaginosa fecharam o pregão em queda com as previsões de chuvas nas regiões produtoras dos EUA e pelo recuo do óleo de soja. O contrato setembro/21 registrou desvalorização diária de 0,51% e encerrou a terça-feira em US$ 13,69/bu.

Milho

Mercado permanece sem novidades com consumidores cautelosos fazendo compras esporádicas, mantendo o preço da saca permanece nos R$ 100,00/sc em Campinas/SP. Os futuros do cereal na B3 passaram por leves correções impulsionadas pelos recuos de dólar e CBOT, assim o contrato setembro/21 recuou para R$ 99,61/sc, desvalorizando 0,21% na terça-feira.

Os futuros do grão na CBOT encerraram o dia em queda influenciados pelo recuo do trigo e pela melhora das previsões de chuvas nos próximos 10 dias no Meio Oeste dos EUA. O contrato setembro/21 encerrou o dia valendo US$ 5,58/bu, queda de 1,15%.

Boi Gordo

A semana iniciou-se calma e com preços estáveis no mercado físico do boi gordo. As negociações seguem se concretizando nas faixas de preços entre R$ 315,00/@ e R$ 320,00/@, seja para animais com padrão comum, seja para padrão de exportação. Na B3, o vencimento para outubro/21 fechou o dia cotado em R$ 321,10/@, com desvalorização de -0,53% no comparativo diário.

Com a segunda quinzena de agosto “mostrando as caras” e o mercado interno passando por redução de consumo na carne bovina, o volume de mercadorias ofertado para reposição de estoques foram menores.  No mercado atacadista paulista de carne bovina, portanto, segue sem novidades, com o preço da carcaça casada bovina firme em R$ 19,20/kg.

Fonte: Agrifatto

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.