Preço do milho se aproxima de R$ 90,00/sc

PARTILHAR
fim da colheita de milho
Foto: Raquel Wedmann

Boa disponibilidade dos grãos e importações acomodam os preços do milho no mercado interno, com o indicador CEPEA em R$ 90,47/sc; Confira!

A pressão sobre os preços do milho continua devido a boa disponibilidade da oferta do cereal, com isso o preço do cereal negociado em Campinas/SP se aproxima de R$ 90,00/sc. Na B3 os futuros do cereal estão seguindo o mercado físico encerrando a semana em queda com o novembro/21 valendo R$ 90,71/sc no último pregão da semana, desvalorização de 1,11%.

Os futuros do cereal em Chicago também encerraram a semana em queda com a colheita avançando nos EUA e a fraqueza da demanda tanto no mercado doméstico quanto internacional. O vencimento dezembro/21 fechou a sexta-feira cotado a US$ 5,26/bu, queda de 0,65*%.

Boi Gordo

A falta de novidades em relação a retomada das compras de carne bovina por parte dos chineses mantém a pressão baixista no mercado físico do boi gordo. As aquisições de pequenos lotes focam em complementar as programações de abate de frigoríficos que estão em atividade.

A referência de preços da arroba dos principais negócios concretizados em São Paulo é entre R$ 300,00/@ e R$ 305,00/@. Na B3, o contrato futuro de boi gordo com vencimento para outubro/21 fechou cotado a R$ 300,15/@, com desvalorização de -0,65 % no comparativo diário.

No mercado atacadista de carne bovina, as cotações dos principais cortes bovinos comercializados resistem ao atual ambiente desafiador de baixo consumo doméstico, característico do final do mês. Por enquanto, a carcaça casada bovina segue cotada em R$ 19,05/kg. Reajustes podem vir a acontecer conforme a procura se aqueça no início do mês de outubro/21

Soja

Com o dólar voltando para R$ 5,34, mas recuo dos prêmios e Chicago estável, a soja segue comercializada na média de R$ 174,00/sc em Paranaguá/PR.

Em Chicago, os futuros fecharam a semana próximos a estabilidade no último pregão da semana com os agentes do mercado aguardando novas informações sobre o mercado da oleaginosa e seus derivados. O vencimento novembro/21 foi cotado a US$ 12,85/bu, leve alta de 0,06%.

Fonte: Agrifatto

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com