Touro Guzerá ataca ciclistas em estrada rural; vídeo

PARTILHAR
Foto: Divulgação

Touro da raça Guzerá solto em estrada ataca ciclistas que transitavam por via rural; habito é cada dia mais comum, confira os cuidados necessários

O incidente aconteceu na zona rural de Sales Oliveira, cidade que fica aproximadamente 60 quilômetros de Ribeirão Preto, interior de São Paulo. No vídeo é possível ver que o touro, da raça Guzerá, se sente acuado e ataca de forma impressionante. “Animal acuado em um corredor, diante de um bando de gente estranha. Agiu pelo instinto animal onde o ataque é a melhor defesa sempre. A turma do pedal poderia evitar passando para o outro lado da cerca, seguindo em busca de diversão” – disse um internauta.

Os bovinos, indiferente da raça, quando sentem-se acuado tem atitudes imprevisíveis, como neste caso que ele parte para cima das ciclistas causando pânico e desespero. A pouca qualidade do vídeo não nos deixa ver completamente, mas é possível identificar duas mulheres sendo atacadas de forma bastante contundente, segundos após o ataque o animal saí em disparada por destino ignorado. As mulheres parecem estar bem.

A bicicleta, além de um exercício físico é um meio de interação entre as pessoas. Vários estudos reforçam que os ciclistas que pedalam em grupo aproveitam melhor o exercício. O chamado cicloturismo ganhou força, proporcionando aos adeptos um encontro com a natureza, áreas rurais, belas paisagens e incríveis rotas de aventura pela região.

Pedalar em trilhas em meio à natureza traz diversos benefícios como respirar ar puro, conhecer lugares que de carro dificilmente você chegaria, como linhas férreas, pequenas igrejas localizadas no interior de fazendas, canaviais, áreas de mata e até nascentes e pequenas cachoeiras.

Tudo isso aliado a outros benefícios que já conhecemos como fazer novos amigos e a queima calórica que o ciclismo proporciona, que chega a até 500 calorias em uma hora de pedalada.

Não é a primeira vez que ciclistas sofrem com touros ferozes, abaixo selecionados dois outros vídeos onde é possível imaginar o medo que os atletas passaram diante das feras soltas nas vias rurais.

Ao contrário do que muita gente imagina, pedalar pelas estradas rurais pode ser mais seguro do que pedalar pelas ruas da cidade, devido ao baixo número de carros que trafegam por esses locais. Porém, o ciclista precisa ficar atento a alguns cuidados antes de pegar a magrela e ir para a terra, como conhecer o trajeto e sempre que possível levar o celular e tomar muito cuidado com animais soltos nas estradas, ocasionando acidentes.

Deixar o sedentarismo de lado pode ser um desafio para quem não está acostumado a tirar alguns minutos do dia para se exercitar. Estar equipado com os principais itens de segurança como capacete, óculos, luvas, roupas adequadas, água e ter farol na bicicleta também é fundamental. O esporte apresenta risco de cortes, torções e fraturas nas pernas e nos braços.

O praticante deve ter o cuidado de não forçar demais o seu ritmo para não prejudicar as articulações dos joelhos e tornozelos. O trajeto escolhido também deve ser analisado antes da atividade, para que esse tipo de acidente não ocorra.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.