Turbulências na pecuária de corte australiana

Turbulências na pecuária de corte australiana

PARTILHAR
Fonte: Angus Austrália

Indústria australiana de carne vermelha mostrou notável resiliência durante o último ano financeiro, aponta o Relatório Anual 2019-20 do Meat & Livestock Austrália.

Tomada pela seca, pandemia global de Covid-19, oscilações de mercado, inundações e incêndios florestais, a indústria australiana de carne vermelha mostrou notável resiliência durante o último ano financeiro, aponta o Relatório Anual 2019-20 do Meat & Livestock Austrália, segundo texto publicado pelo portal Beef Central.

O relatório apresenta as atividades, resultados e desempenho financeiro do MLA ao longo do ano. O MLA é financiado principalmente por taxas de transação pagas sobre vendas de gado pelos produtores australianos. As taxas recebidas são contabilizadas em duas correntes, uma para apoiar as atividades de marketing e outra para apoiar a pesquisa e o desenvolvimento.

O presidente do MLA, Alan Beckett, observou que a pandemia da Covid-19 foi um evento sem precedentes e imprevisível para o mundo em 2020, criando “consequências econômicas e sociais insondáveis”.

“A indústria de carne vermelha, embora um pouco mais protegida do que outras indústrias, não ficou imune a isso e teve que se adaptar à situação conforme ela se desenrolava”, disse ele.

O coronovírus impactou substancialmente os padrões de consumo, relatou Beckett. O serviço de alimentação foi um dos setores mais afetados globalmente, com restrições que diminuíram significativamente o número de pessoas que jantavam fora de casa. Também houve uma mudança no sentido de cozinhar em casa com mais regularidade, impactando ainda mais as vendas de serviços de alimentação.

As vendas no varejo de carne vermelha, no entanto, aumentaram acentuadamente, impulsionadas por preocupações com a segurança alimentar e pelo pico de consumo gerado por uma onda de pânico. Isso criou desafios com o desequilíbrio da carcaça, uma vez que cortes de maior valor que normalmente seriam comprados por meio de serviços de alimentação estavam agora sem um mercado consistente, observou Beckett.

O presidente do MLA disse que outros impactos da Covid-19 sobre a carne vermelha australiana incluem mudanças voláteis no mercado, desafios com processamento devido a fechamentos de matadouros e dificuldades de exportação decorrentes de interrupções no frete.

“Desde o início do surto, a demanda do mercado internacional tem sido volátil. Porém, a demanda por carne bovina australiana continua forte, com o impacto da peste suína africana ainda tendo uma grande influência no comércio global de proteína de carne ”, disse ele.

Finanças

A receita do MLA para o ano atingiu US$ 269,7 milhões, praticamente o mesmo valor que nos dois anos de seca anteriores. Os lucros retidos do MLA caíram 3,4% durante os últimos 12 meses, para US$ 110 milhões. Beckett prevê que a receita cairá significativamente nos próximos anos, durante a reconstrução do rebanho.

O investimento total do MLA no ano passado diminuiu 0,3% para US$ 273,7 milhões, compreendendo US$ 171,9 milhões em pesquisa e desenvolvimento e US$ 101,8 milhões em marketing. 

Fonte: Beef Central.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com