Vídeo: Brasil se alia a dona de 70% do Fosfato Mundial

PARTILHAR

Mais uma gigante dos fertilizantes; A empresa que possuí cerca de 70% das reservas mundiais de rocha fosfática confirma vinda para o Brasil! Veja o vídeo!

A Companhia Office Chérifien des Phosphates (OCP), empresa estatal produtora de fosfato do Marrocos, poderá realizar investimentos no Brasil e colaborar com o Plano Nacional de Fertilizantes. Em reunião com integrantes da missão oficial do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o CEO da empresa, Mostafa Terrab, assegurou ao ministro Marcos Montes a intenção de instalar uma unidade processadora de fosfato no Brasil. Veja o vídeo!

A OCP, que atualmente é a maior fornecedora de fósforo para o Brasil, é detentora de cerca de 70% das reservas mundiais de rocha fosfática e tem participação de 31% do mercado mundial de produtos de fosfato. A empresa já atua no Brasil desde 2010, com sete escritórios.

Segundo o ministro Marcos Montes, a visão de futuro apresentada pela empresa encontra total sinergia com as metas do Brasil para a sustentabilidade e segurança alimentar mundial.

“Temos essa responsabilidade conjunta, tanto essa empresa, que é detentora maior reserva de fosfato do mundo, como o Brasil, que tem uma extensão de terra e tecnologia científica forte para produzir alimentos para o mundo”, disse.

A reunião também contou com a participação do adido agrícola do Brasil em Rabat, Nilson Guimarães.

Marrocos é o segundo maior produtor mundial de fertilizantes fosfatados, responsável por cerca de 17 % da produção global. Em 2021, o Brasil importou mais de US$ 1,6 bilhão em fertilizantes do Marrocos.

Parceria científica 

Em Marrocos, também foi discutida uma parceria entre a Embrapa e a Universidade Politécnica Mohammed VI (UM6P), importante universidade do Marrocos. O presidente da Embrapa, Celso Moretti, faz parte da comitiva.

As duas entidades possuem várias estratégias convergentes de aplicação de tecnologias agrícolas, que apontam para um grande potencial de cooperação entre os países, incluindo a utilização de bioinsumos em complementação ao uso dos fertilizantes clássicos.

O que é fosfato?

Fosfato e fósforo são vitais para a vida e o crescimento. Descubra como essa rocha é formada, para que é usada e por que é tão importante para alimentar um mundo em crescimento. O fosfato é a fonte natural de fósforo, um elemento que fornece um quarto de todos os nutrientes que as plantas precisam para seu crescimento e desenvolvimento.

O fósforo é usado em muitos produtos e é um ingrediente essencial em todos os fertilizantes. Marrocos possui 70% das reservas mundiais de fosfato, e a OCP é responsável pela mineração, processamento, fabricação, exportação e maximização de seu valor. 

Companhia Office Chérifien des Phosphates

Com acesso exclusivo a mais de 70% das reservas mundiais de fosfato, a OCP leva a sério seu papel de guardião. Somos uma empresa estatal que adere aos padrões internacionais, impulsionada pelo desempenho de longo prazo. Com nosso legado de crescimento e entrega de valor, sempre nos desafiamos a ir mais longe e fazer melhor – trabalhando para criar um futuro sustentável tanto para nossas operações de mineração quanto para nossas comunidades.

A OCP foi fundada em Marrocos em 1920 como Office Chérifien des Phosphates. Começamos com uma única mina em Khouribga. Nossas operações agora abrangem cinco continentes e trabalhamos em toda a cadeia de valor, desde mineração e manufatura até educação e desenvolvimento comunitário.

Nosso povo moldou nossa história

Nosso povo tem sido um catalisador para o crescimento em Marrocos. Como o maior empregador do país, conseguimos canalizar os talentos extraordinários de milhares de pessoas para construir universidades e cidades verdes, criar empregos e implementar programas agrícolas e comunitários em todo o país. Esses programas nos permitiram compartilhar nossa prosperidade com as comunidades com as quais vivemos e trabalhamos.

Nosso maior patrimônio não é o fosfato, mas nosso pessoal.

Dr. Mostafa Terrab
Visita do sultão Moulay Youssef ao centro de mineração de Khouribga em 1923

A OCP iniciou a produção de fosfato em março de 1921 em Khouribga, com exportações pelo porto de Casablanca no final daquele ano. Uma segunda mina abriu em Youssoufia em 1931, e uma terceira em Benguerir em 1976. A empresa também diversificou em processamento de fosfato, abrindo instalações químicas em Safi (1965) e Jorf Lasfar (1984).

Em 2008, a empresa tornou-se o OCP Group SA, propriedade do governo marroquino e do Banque Populaire du Maroc. Nosso sucesso contínuo depende do relacionamento com nossa comunidade, do compromisso de diminuir nosso impacto em nosso precioso meio ambiente e da oportunidade de fazer parceria com empresas locais inovadoras.

Produção de fosfato em números

240 milhões de toneladas – taxa de produção global anual de fosfato

69 bilhões de toneladas – reservas de fosfato economicamente extraíveis estimadas em todo o mundo

300 bilhões de toneladas – recursos potencialmente exploráveis ​​de rocha fosfática

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com