Após polêmica Heineken pede desculpas a pecuaristas

Após polêmica Heineken pede desculpas a pecuaristas

PARTILHAR
dia mundial sem carne heineken
Foto: Reprodução das redes sociais

Após polêmica nas redes sociais, segundo a cervejaria, encontro teve o propósito de esclarecer a intenção de postagem em apoio ao Dia Mundial sem Carne.

Na última terça-feira (30/3), a Diretoria da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat) chamada em ambiente virtual a equipe de diretores da Heineken Brasil. Segundo informações da Acrimat, o encontro foi realizado a pedido da cervejaria. Estiveram presentes, representando uma multinacional, Mauro Homem, Diretor de Relações Corporativas, e Marina Ferreira, Diretora de Assuntos Governamentais e Institucionais.

“A reunião teve o propósito de esclarecer a intenção do conteúdo veiculado em redes sociais sobre o Dia Mundial sem Carne, reconhecendo a influência e o alcance das ações da companhia”, especial a Heineken, em nota.

A polêmica começou após a cerveja sugerir, em post nas redes sociais durante o Dia Mundial sem Carne, “comer e beber mais verde”. “Neste Dia Mundial Sem Carne, que tal comer e beber mais verde? Uma cerveja feita com água, malte , lúpulo e nada mais é a opção perfeita para o acompanhamento de hoje ”, escreveu a empresa em seu Instagram.

A Heineken afirmou, em nota divulgada à época, que não houve pretensão de desvalorizar qualquer setor da economia ou preferência de consumo. “Destacamos a importância da agropecuária para o país, que representa 6,8% do PIB, emprega milhões de brasileiros e que certamente é uma das molduras propulsoras da economia.”

De acordo com a Acrimat, a cervejaria solicitou a reunião para “prestar esclarecimentos, se desculpar com o setor e nos comunicar que farão o que preciso para tentar mudar esse cenário”. Associação informou ter ouvido as explicações e ter caracterizada “a grande insatisfação – quase unânime – do setor”.

“Depois, nos colocamos à disposição para informações sobre nossa sustentabilidade carne, suas qualidades e principalmente sobre o respeito que temos à produção quando produzimos”, acrescentou a associação, também em nota.

Entenda a história

A postagem nas redes sociais da cervejaria Heineken declarando apoio ao Dia Mundial Sem Carne segue repercutindo no setor pecuário. No último final de semana, a empresa “errou feio” ao fazer uma publicação do “Dia mundial sem carne”, gerando certa revolta em grande parte do setor!

Após a revolta de alguns internautas, algumas entidades do setor pecuário endossaram as críticas à empresa e decidiram lançar a campanha #ChurrascoSemHeineken. E você, qual a sua opinião quando ao assunto? Veja a história abaixo!

Vale ressaltar que, a iniciativa da data surgiu em 1985 com a FARM (Farm Animal Rights Movement), com a proposta de reflexão e conscientização sobre os impactos que o consumo de carne traz ao mundo e os benefícios de uma alimentação sem carne.

Compre Rural com informações do Globo Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.