Base agrícola lança a Confederação Nacional dos Produtores Rurais

Base agrícola lança a Confederação Nacional dos Produtores Rurais

PARTILHAR
pecuaria leiteira
Foto Divulgação.

Uma nova entidade representativa está surgindo na agropecuária brasileira. Veja a entrevista completa e exclusiva que foi divulgado pelo AGROemDIA.

É a Confederação Nacional dos Produtores Rurais (CNPR), articulada pelo Movimento Brasil Verde e Amarelo, o agro em defesa das reformas. O debate sobre a sua criação começou nos grupos de WhatsApp e descortina um sentimento latente na base produtora há alguns anos: a falta de identificação com as grandes representações do segmento, como a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).  

A ideia de criar a Confederação Nacional dos Produtores Rurais ganhou força a partir da crise vivida por algumas cadeias agropecuárias da porteira para dentro, como as de arroz, leite, cana-de-açúcar, alho e café. A proposta também reflete o crescente descontentamento da base produtora com o que considera falta de empenho da CNA na busca de solução para duas das principais reivindicações do setor: a remissão do passivo do Funrural e a renegociação das dívidas agrícolas.

“Temos pela frente um oceano de oportunidades e um mar de dificuldades que exigem uma ação enérgica e de unidade para preservar os interesses do produtor. Chega de sermos tutelados pelos adquirentes da produção, pelas entidades que vivem de dinheiro estatal, pelos interesses dos monopólios das áreas de proteína animal (bovinos, frangos e suínos) e de comercialização de grãos, de laranja e de café”, disse ao AGROemDIA o produtor e advogado Jeferson Rocha, diretor jurídico da Andaterra.

Ainda em julho, os produtores pretendem se reunir em Santa Catarina para debater e lançar oficialmente a Confederação Nacional dos Produtores Rurais.

Nós queremos ter uma atuação mais proativa para participar da produção legislativa e das políticas governamentais que dizem respeito ao nosso dia a dia” – Jeferson Rocha, produtor rural e diretor jurídico da Andaterra

A seguir, os principais trechos da entrevista de Jeferson Rocha:

AGROemDIA – Qual o propósito de criar uma nova representação do setor primário?

Jeferson Rocha – A ideia da Confederação Nacional dos Produtores Rurais é reunir todas as entidades do agro, todos os movimentos, todos os produtores e lideranças que hoje trabalham de forma isolada e que poderão ter, com a nova entidade, mais força, mais unidade e mais efetividade em suas pautas reivindicatórias.

AGROemDIA – Mas setor já não conta com a CNA?

Jeferson Rocha – Já faz um bom tempo que há uma insatisfação muito grande entre os produtores com a CNA. Nós não nos sentimentos representados pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil. Pelo contrário. Nós entendemos que a CNA não representa o produtor rural brasileiro.

AGROemDIA – A Confederação Nacional dos Produtores Rurais reunirá apenas produtores?

Jeferson Rocha – Outras entidades que tentaram reunir o agro acabaram cometendo o erro de colocar na mesma mesa adquirentes de produção, cerealistas e frigoríficos. Enfim, setores fora da realidade do produtor da porteira para dentro. A ideia da Confederação Nacional dos Produtores Rurais é reunir somente produtores rurais, sem ingerência, sem nenhum tipo de contaminação com os adquirentes de produção. Respeitamos os adquirentes da produção e entendemos que eles têm um papel a desempenhar no contexto no agro, mas buscamos nossa independência.

AGROemDIA – A nova confederação não criará uma divisão no agro?

Jeferson Rocha – Não vamos criar divisão, porque nós nunca fizemos parte de nada. Então, estamos criando a partir desse nada uma união de quem não tem voz. É a união do produtor rural, e das poucas entidades independentes. É união da porteira para dentro, daqueles que representam hoje um terço da economia do Brasil e empregam mais de 20 milhões de trabalhadores direta e indiretamente e que representam a produção de alimentos para 1,5 bilhão de pessoas.

AGROemDIA – O objetivo é fazer com que o produtor tenha mais protagonismo no debate político e econômico do país?

Jeferson Rocha – Os produtores é que detêm os meios de produção. Os proprietários e os arrendatários, enfim, todo o segmento do agro da porteira para dentro, têm que se comunicar, conversar e tem que ter um fórum de debates das grandes questões nacionais. E a Confederação Nacional de Produtores Rurais nasce com essa finalidade. Até o final de julho, pretendemos nos reunir, em Santa Catarina, para lançá-la, unindo várias entidades do agro que hoje atuam de forma dispersa e que podem, através da confederação, canalizar essa força de representação.

AGROemDIA – A nova entidade terá sede apenas Santa Catarina?

Jeferson Rocha – Não. Nós teremos uma representação em Brasília para poder participar de todas essas discussões que hoje envolvem o Parlamento brasileiro, como a reforma tributária. É inconcebível que fiquemos aqui só apagando incêndio, só resolvendo problemas, como fazem hoje, de forma hercúlea, algumas poucas entidades, atuando isoladamente. Nós queremos ter uma atuação mais proativa para participar da produção legislativa e das políticas governamentais que dizem respeito ao nosso dia a dia. E, como não nos sentimos representados, preferimos criar uma confederação com o mesmo patamar da CNA, para unificar e fortalecer as poucas entidades independentes que temos. Afinal, a CNA não nos representa e precisamos de mudança.

AGROemDIA – Este é realmente o momento ideal para lançar mais uma representação no agro?

Jeferson Rocha – Temos que aproveitar o momento de mudança, mudança no governo, mudanças que estão nos trazendo as reformas, a abertura de mercados, enfim, são momentos históricos como estes que nos exigem fazer algo, quebrar os paradigmas, os conceitos pré-concebidos para, a partir desse novo movimento, reunir o agro e termos êxito em bandeiras como o combate ao endividamento dos setores em crise, a remissão do suposto passivo do Funrural, a questão indígena e quilombola, que envolve o direito de propriedade, e vários outros assuntos que hoje são debatidos em segundo plano por aqueles que deveriam pensar o agro.

A ideia da Confederação Nacional dos Produtores Rurais é reunir somente produtores rurais, sem ingerência, sem nenhum tipo de contaminação com os adquirentes de produção” – Jeferson Rocha, produtor rural e diretor jurídico da Andaterra

Fonte: AGROemDIA

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com