Bezerro tem recorde de R$ 18,50/kg e pecuarista desespera

PARTILHAR
bezerro nelore de qualidade incrivel top foto
Foto: Tulipa Agropecuária

O mercado de corte não quer saber de mínimas e renova as máximas de preços nesta semana; Pecuarista da terminação está “desesperado” com os preços!

O mercado da reposição segue acompanhando as altas no preço da arroba do boi que, nesta semana, voltou a registrar novas máximas pelo país. Segundo levantamento, esse cenário motivou e aqueceu o mercado do bezerro, trazendo maior procura e pecuaristas dispostos a pagar mais pelos preços que são pedidos. Veja o recorde de preço e como andam as valorizações!

Em importantes praças pecuárias do país, os preços do bezerro voltaram a atingir máximas. Pecuaristas informaram um maior volume de negociações nesta categoria e, segundo levantamento, os recriadores estão desesperados por conta das margens que ficam apertadas com a valorização da reposição!

O preço do bezerro bateu novo recorde nesta semana. Custava, na média, R$ 2.994,14 na quinta-feira, 25/03, o valor se refere às praças paulistas. Segundo os dados do Cepea, o Indicador está com alta de 22% desde o início do ano. Na comparação com o mesmo período de 2020, a valorização é de 63%.

Diante da menor oferta de animais por causa do maior volume de fêmeas abatidas no passado, é o ciclo pecuário que não perdoa. Ressaltamos um ponto muito importante que é a forma de comercialização que mudou. Pecuaristas estão negociando esses animais pelo peso – arroba ou kg – da mesma forma que venda do boi gordo.

Segundo o app da Agrobrazil , os dados da tabela abaixo, os animais já tiveram uma valorização de R$ 455,56/cab para a praça paulista desde o início do ano. Não foram observadas desvalorizações em nenhuma das praças avaliadas pelo app.

Se fizermos as contas, considerando a comercialização por peso, o animal da desmama ele tem em média 170-180 kg, com isso o preço por kg é de: R$ 3.339,31/180kg que nós da uma referência de R$ 18,55/kg. Convertendo esse animal para a negociação em @ – 1 arroba igual a 30kg – o valor é recorde de R$ 556,55/@.

A tabela abaixo, com os preços médio dos Garrotes, mostra que os animais mais jovens estão com preços que se equivalem a de animais mais erados, considerando a média para as praças. Veja a tabela abaixo!

Segundo os dados da Scot Consultoria, no acumulado dos últimos doze meses as altas nos preços foram puxadas pelas fêmeas. Considerando a média de todas as categorias e estados, a valorização foi de 78,4%, frente à 65,7% da média das categorias dos machos anelorados.

Precisamos salientar, a todo momento, é que esse cenário é explicado pelo forte investimentos dos pecuaristas na cria, para a produção de bezerros, devido aos seus preços atrativos. Além de garantir a produção de animais com maior precocidade e melhor genética.

Pecuarista em alerta

Com um custo de quase 60% no custo de produção, a compra da reposição tem grande peso no resultado, por isso é que precisamos colocar muito bem detalhado essa negociação na ponta do lápis e, com isso, recomendamos que as negociações sejam feitas no peso, arroba ou quilo.

O mercado deverá continuar firme ao longo do ano, tendo em vista que a oferta segue restrita, principalmente porque a maior retenção de fêmeas ocorreu de forma mais significativa em 2020. Momento de cautela e de muito planejamento estratégico.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com