Carrapato mata homem com uma doença fatal

Carrapato mata homem com uma doença fatal

PARTILHAR
Foto Divulgação.

Homem morre por infecção cerebral rara transmitida por carrapato, a febre de Powassan. O vírus mais perigoso está cada vez mais disseminado. Veja!

O vírus mais perigoso nos Estados Unidos contribuiu para a morte de um residente de Nova York, informaram autoridades de saúde do estado na quinta-feira (1º). 

Acredita-se que o homem tenha morrido de uma doença viral disseminada por carrapatos chamada febre de Powassan. Embora os casos de Powassan sejam raros, é uma das muitas doenças transmitidas por carrapatos que estão se tornando mais comuns.

De acordo com o Departamento de Saúde do Condado de Ulster, o residente local havia sucumbido à doença no início desta semana. 

Sua morte também marca o primeiro caso relatado de Powassan no estado este ano. O estado diz que ocorrem de zero a seis casos por ano.

“É imperativo que todos os residentes tomem todas as precauções necessárias contra doenças transmitidas por carrapatos, especialmente durante atividades ao ar livre. 

Os moradores devem verificar, com cuidado, a si e seus animais de estimação sinais de carrapatos e picadas do inseto”, disse Carol Smith, Comissária de Saúde e Saúde Mental do Condado de Ulster, em um comunicado na quinta-feira.

O vírus Powassan, de forma esférica, está relacionado a outros vírus transmitidos por criaturas de seis e oito patas, como zika, dengue e febre amarela. 

Ele é disseminado pela picada de três espécies de carrapatos Ixodes nos Estados Unidos – o carrapato de patas negras ou de cervo, o carrapato de esquilo e o carrapato da marmota; esses insetos contraem o vírus de roedores infectados. 

Mas das três espécies, apenas o carrapato, que também espalha a doença de Lyme, morde regularmente as pessoas. Como o carrapato de cervos, os casos de Powassan são tipicamente limitados à região leste dos EUA.

As pessoas infectadas com Powassan geralmente não apresentam sintomas. Mas quando ficam doentes, elas geralmente sofrem de febre, dores de cabeça, vômito e fraqueza muscular. 

Algumas desafortunadas também podem desenvolver uma infecção neurológica grave. Destas infecções mais sérias, aproximadamente 10% das pessoas morrem, enquanto metade fica com problemas neurológicos permanentes. Atualmente, não há tratamento específico ou vacina contra a Powassan.

No caso do homem de Ulster, as autoridades de saúde relataram que ele tinha condições médicas subjacentes, o que pode ter contribuído para sua morte.

Essas infecções neurológicas mais mortais de Powassan são raras. De acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), havia apenas 21 desses casos registrados no país em 2018. E em Nova York, foram registrados 19 casos na última década até 2018.

Mais do que tudo, porém, este último caso é um lembrete particularmente sombrio de que carrapatos e outros insetos estão afetando cada vez mais a nossa saúde (graças em parte às mudanças climáticas). 

A febre de Powassan ainda tem uma baixa taxa de casos registrados, mas relatos de doenças causadas por carrapatos, mosquitos e picadas de pulgas mais do que triplicaram de 2004 a 2016 e continuam a aumentar, de acordo com o CDC. 

Os carrapatos são os maiores causadores, com a doença de Lyme sendo a doença mais comum, mas estamos continuamente descobrindo novas doenças e condições transmitidas por carrapatos.

Dado que a temporada de carrapatos se estende do final da primavera ao outono, qualquer pessoa que se aventure regularmente na natureza ou more em áreas verdes, com arbustos ou florestas, deve fazer o máximo que puder para se proteger das picadas.

O CDC recomenda tratar suas roupas e equipamentos com repelentes contendo 0,5% de permetrina (roupas pré-tratadas também) quando estão fora, enquanto as pessoas devem pulverizar repelentes contendo DEET, picaridina, IR3535, Óleo de Limão Eucalyptus (OLE), para-mentano-diol (PMD), ou 2-undecanona em si mesmos. 

Depois, as pessoas devem verificar a si mesmos, seus animais de estimação ou suas roupas para carrapatos, possivelmente enquanto tomam banho, dentro de duas horas de entrar.

Fonte: Giz Modo

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com