Custo de produção é o problema, não o preço do leite!

Custo de produção é o problema, não o preço do leite!

PARTILHAR
Foto Divulgação.

A pecuária leiteira vem sofrendo com os altos custos de produção, além disso, a alta no preço pago ao produtor está longe de ser suficiente para equilibrar a balança!

Considerando a média nacional dos dezoito estados pesquisados pela Scot Consultoria, o preço do leite pago ao produtor subiu 3,0% no pagamento de fevereiro, que remunera a produção de janeiro deste ano.

Foi o quarto mês seguido de aumento para o produtor, sendo esta a maior valorização desde então. O cenário firme é devido à queda na produção nas principais bacias leiteiras do país e maior concorrência entre as indústrias.

Do lado do consumo, a situação melhorou (um pouco) em fevereiro, com a volta das férias escolares.

O produtor recebeu, em média, R$1,272 por litro, sem o frete, considerando o leite padrão. Já o preço médio com bonificações por qualidade ficou em R$1,659 por litro.

Do lado da captação, o pico de produção foi em dezembro/19 nas regiões Sudeste e Centro-Oeste. Nos estados do Sul do país o volume vem mais ajustado desde setembro/outubro de 2019.

Para o pagamento a ser realizado em março/20, referente a produção entregue em fevereiro/20, o mercado deverá seguir firme, com 77% dos laticínios pesquisados apontando para manutenção dos preços pagos ao produtor, 18% estimando alta e os 5% restantes falam em queda (todos na região Nordeste).

Alimentação concentrada puxou alta nos custos de produção da atividade leiteria

Os custos de produção da atividade leiteira tiveram mais um mês de alta.

O indicador calculado pela Scot Consultoria subiu 4,0% em fevereiro, frente ao mês anterior. Foi o quinto mês consecutivo de elevação nos custos e foi o mês de maior aumento no indicador.

O aumento do salário mínimo, a alta dos preços dos alimentos concentrados energéticos, principalmente da polpa cítrica, dos alimentos concentrados proteicos e dos combustíveis fizeram os custos de produção subirem em fevereiro na comparação feita mês a mês.

Fonte: Scot Consultoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com