Desvendamos a “Soja de ITU”

Desvendamos a “Soja de ITU”

PARTILHAR
soja de itu
Foto: Reprodução

Agricultor filme vagens de soja extra-grande; produtor comenta que usou um adubo diferenciado na plantação, fazendo com que granasse bem

Se você usa as redes sociais deve ter visto esse vídeo da soja de Itu circulando de forma frenética. Um agricultor filmou algumas vagens supostamente de soja e disse o seguinte – “Esse ano usamos um adubo diferenciado na soja, estávamos esperançosos com o resultado, e tá aqui, a soja granou, tá graúda”. E aí, será que é verdade? Confira o vídeo abaixo.

E satiriza ainda mais, dizendo que a soja tá toda vendida no Mercado Futuro, na Bolsa de Valores. Verdade ou mentira? É claro que é uma grande mentira, uma brincadeira saudável produzida por uma mente fértil. E porque “soja de Itu”? Você já deve ter ouvido falar da mania de grandeza de uma cidade no interior de São Paulo.

Esta é a Estância Turística de Itu, que fica a 90 km de São Paulo. Lá cresceu o Movimento Republicano, que resultou, em 1873, na realização da primeira convenção republicana do país. Por isso mesmo, a cidade é chamada de Berço da República. Esses grandes acontecimentos históricos contribuíram para a auto-estima ituana, adotando a distinção como sua marca identificadora. 

Nós trouxemos você até aqui para dizer que o Brasil está produzindo recordes tanto na Agricultura quanto na Pecuária, e que a síndrome de Jeca Tatu está se desfazendo com um alto grau de produtividade de nossos produtores brasileiros.

E as vagens gigantes? As vagens em questão possívelmente são da fruta Ingá, ou ainda do Cipó Olho de Boi, seguem fotos para que você possa verificar.

Vagem de Cipó Olho de boi

Enfim, coronha é a semente da planta Dioclea violacea, também conhecida como cipó-de-imbiri, coroanha, micunã, mucunã assú, olho-de-boi ou pó-de-mico. Uma semente grande, bonita e lustrosa, que esquenta até queimar quando é esfregada (brincadeira de criança praieira) e muito usada para fazer colar.

Essa planta, uma arvoreta de pequeno porte, adora nascer na beira de rios e córregos, aonde as suas sementes chegam, navegando. Essas sementes são muito resistentes à água e duram bastante, mesmo na água salgada do mar.

Vagem da fruta Ingá

Ingá é o fruto da ingazeira, planta da família das leguminosas e muito comum em regiões próximas a lagos e rios. Suas sementes, envolvidas por uma sarcotesta branca, fibrosa e adocicada, são revestidas por uma vagem verde e grande, que pode chegar a medir 1 m de comprimento.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.