Dez dicas para construir um Compost Barn

Dez dicas para construir um Compost Barn

PARTILHAR
Foto: Emater

Confira abaixo dez regras essenciais para a construção de um compost barn, pontos não podem ser esquecidos ou negligenciados pelo produtor!

A pecuária leiteira passou por uma grande evolução nos últimos anos, a adoção de tecnologias, melhoramento genético e gestão eficiente elevaram a produção nacional e produtividade animal. Além disso, os investimentos em alojamentos e bem-estar animal foram fundamentais para o cenário atual. Diante disso, a utilização do Compost Barn ajudou produtores a terem uma maior eficiência produtiva. Confira agora as dez dicas para construir um Compost Barn!

O compost barn é um sistema de instalação que consiste em um grande espaço físico coberto para descanso das vacas, revestido com serragem, sobras de corte de madeira e esterco compostado. O principal objetivo é garantir aos animais conforto e um local seco para ficarem e a compostagem do material da cama. 

Confira abaixo um checklist de pontos que não podem ser negligenciados ao se construir um compost barn na fazenda: 

1) Um mínimo de 10 metros quadrados por vaca deve ser fornecido dentro da área de descanso. Quando os compost barns estão sobrecarregados, a quantidade de umidade adicionada à cama (através de esterco e urina) e a quantidade de compactação pelo tráfego de vacas impedem a compostagem adequada. 

2) O compost barn deve ser orientado no sentido leste-oeste. Essa orientação minimiza a quantidade de tempo em que o sol atinge as vacas, o que incentiva a distribuição de vacas por todo o estábulo. 

3) Uma abertura na cumeeira é essencial para maximizar a ventilação natural. A preferência é fornecer um cume aberto com uma tampa. Recomenda-se uma abertura de cumeeira contínua de pelo menos 7,5 centímetros para cada 300 metros de largura do telhado do edifício, com uma abertura mínima de 30 centímetros para larguras de compost barn inferiores a 12 metros. Um telhado do tipo overshot  (com um dos lados ultrapassado) pode fornecer remoção de ar razoável quando a abertura é alta o suficiente. No entanto, a boa remoção de ar ocorre apenas quando o vento se move pelo lado superior. Quando o vento se move em direção à abertura, na verdade o vento força o ar de volta ao galpão. 

4) As paredes laterais devem ser construídas para permitir pelo menos 3,6 metros de espaço aberto para o fluxo de ar acima da parede de retenção ou meio-fio externo para galpões com menos de 12 metros de largura, enquanto uma altura de 4 metros é recomendada para galpões com mais de 12 metros.

5) O espaço para alimentação e água é frequentemente negligenciado na construção de um compost barn. Forneça um mínimo de 70 a 75 centímetros de espaço no cocho por vaca, 90 centímetros de perímetro do tanque de água por 15 a 20 vacas e pelo menos 2 locais de água separados por baia. Não reduza o acesso à alimentação e à água em um esforço para construir uma instalação de baixo custo.

6) As vacas geralmente usam o espaço de descanso fornecido com mais eficiência quando possuem vários pontos de acesso de entrada ao longo do lado longo da área retangular de descanso. Os corredores de alimentação de concreto devem ter 4,8 metros de largura com acesso às camas localizado a cada 15 metros e em cada extremidade.

7) Como as vacas defecam e urinam mais em torno da ração e da água, elas devem ter acesso a bebedouros apenas no lado do corredor. O acesso somente pelo corredor minimiza o excesso de umidade na cama e mantém a água mais limpa. Também elimina a necessidade de alterar a altura do bebedouro à medida que a profundidade da cama muda.

8) As muretas laterais devem ser iguais a 1/3 da altura da parede lateral para evitar que a chuva molhe as camas e deve-se instalar calhas do telhado para reduzir o escoamento de água do telhado, que também pode molhar as camas.

composting-barn-in-oregon
Foto: Keith Woodford

9) Ventiladores devidamente posicionados ajudam a resfriar as vacas e a manter o material de cama seco. As recomendações do fabricante para o espaçamento do ventilador devem ser consultadas para a colocação do ventilador. Os ventiladores devem ser colocados para complementar e não combater o fluxo de ar natural. Quando não são utilizados ventiladores suficientes, surgem pontos mortos, com pouco fluxo de ar. As vacas não descansam nessas áreas do compost barn. Os pontos mortos criam condições em que as vacas se agrupam ou se reúnem em certas áreas do galpão. Esse cenário aumenta o estresse térmico e prejudica o desempenho do composto com áreas excessivamente úmidas e secas.

10) A cama é geralmente cercada por todos os lados por paredes de 70 a 120 centímetros, incluindo uma parede para separar as camas do corredor de alimentação. Um muro de contenção de concreto fornece separação entre o corredor de alimentação e a área da cama, o que é útil no manejo da umidade da cama. Além disso, do lado de fora do compost barn, o muro de contenção mantém o material de cama para dentro da instalação. Essas paredes podem ser de concreto moldado no local, painéis de concreto móveis ou painéis de madeira.

Baseado no artigo Ten Essential Rules for Building a Compost Bedded Pack Barn, de Jeffrey Bewley e Joseph Taraba.

Adaptado MilkPoint

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com