Embrapa Pecuária promove megaleilão de gado no Sul

PARTILHAR
Foto: Divulgação

O leilão vai contar com cerca de 900 animais na pista e ocorre a partir das 17h; Remate anual da Embrapa Pecuária Sul ocorre na próxima quinta-feira

Acontece no dia 08 de julho (quinta-feira), o remate anual da Embrapa Pecuária Sul, na Associação e Sindicato Rural de Bagé, no formato presencial, e na plataforma Lance Rural, com transmissão para todo o Brasil de forma virtual. O leilão vai contar com cerca de 900 animais na pista e ocorre a partir das 17h, através de coordenação do leiloeiro Aluísio Tavares.

No total, são 400 vacas de invernar; 100 bois; 100 terneiros desmamados; 60 terneiras; e cerca de 30 vacas leiteiras, além de 200 ovinos (150 capões e 50 ovelhas). Para Tavares, a expectativa para o remate é muito positiva, já que as pastagens estão prontas e o cenário da pecuária é de pouca oferta e grande demanda por animais para recria e terminação. “Outro fato muito importante é que esses animais da Embrapa têm seleção, origem e qualidade. É um gado procuradíssimo. Não existe produtor que não queira ter algum animal da Embrapa, em nível de bovinos e ovinos”, destacou.

Remate anual da Embrapa Pecuária Sul ocorre na próxima quinta-feira
Foto: Divulgação

Conforme a chefe-adjunta de Administração da Embrapa Pecuária Sul, Estefanía Damboriarena, como unidade descentralizada de pesquisa da Embrapa, a Embrapa Pecuária Sul realiza todos os procedimentos padrões de gestão do patrimônio público para realizar o remate. O leilão gera receitas para a Embrapa, que depois redistribui os recursos através da gestão central. “A Embrapa Pecuária Sul, ao fazer o leilão de semoventes, além de reorganizar o rebanho interno para atendimento das prioridades de pesquisa, traz a oportunidade de os produtores acessarem uma genética que tem um trabalho de muitos anos, principalmente na raça Brangus, e também nas raças leiteiras e de ovinos”, destacou.

Os leilões virtuais, bastante populares atualmente, ampliaram o alcance de vendas, já que é facilitada a participação de compradores de todo o País. “A expectativa é muito grande em relação a esse remate anual da Embrapa. Os animais têm uma boa condição corporal. O ano está excepcional e o preço do gado está fora de série. Então a expectativa é de fazer um remate com um valor econômico bastante alto”, destacou o supervisor do Setor de Campos Experimentais da Embrapa Pecuária Sul, Alberto Macke Franck.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.