Falência? Amado Batista vende fazenda de R$ 350 milhões

PARTILHAR
Foto Divulgação

Após o anúncio da venda, muitos rumores afirmando que Amado Batista estava falido começaram a circular. Confira abaixo as informações sobre o assunto!

cantor sertanejo Amado Batista, que foi processado pelo PT após chamar Lula de ladrão, passou boa parte do seu 2021 tentado vender uma fazenda gigante localizada no município de Cocalinho, Mato Grosso, pelo valor de R$ 350 milhões. Após muita especulação do anúncio de venda, os rumores são de que o cantor estaria indo a falência, segundo indicou o site TV OFoco. Falência? Amado Batista vende fazenda de R$ 350 milhões!

Conhecido nos quatro cantos do país por seus sucessos musicais, o cantor Amado Batista está se desfazendo de alguns dos seus bens milionários em meio à pandemia de Covid-19. Com show cancelados e muitas dificuldades envolvendo a justiça, já que a o cantor responde por uma multa ambiental milionária, rumores de falência chegam a mídia.

Vale destacar que muitos rumores surgiram após o anúncio da propriedade. De acordo com alguns internautas, o motivo para o cantor se desfazer do bem foi falência, já que a paralisação dos shows por conta do isolamento social não lhe trouxe nenhuma rentabilidade.

Apesar do seu valor absurdo, a fazenda milionária de Amado Batista recebeu várias propostas de compra, mas que acabaram não sendo concretizada até o momento, segundo as informações declaradas. Situação essa que também deixou os fãs de música sertaneja chocados ao revelar o que tinha na fazenda, que seria vendida de portas fechadas, ou seja, com todos seus atributos.

Vale lembrar que Amado Batista tem uma dívida milionária com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, mais conhecido como IBAMA, devido ao desmatamento ilegal que estaria praticando em suas terras, e os boatos é que o motivo da venda da fazenda do cantor era para quitá-las. O que não faz muito sentido, mas sim ajudam a credibilizar os rumores de falência do cantor.

A propriedade, de 35 mil hectares, fica localizada no município de Cocalinho, no Mato Grosso. Além de todas as comodidades, como piscina e campo de futebol, uma das casas tem 11 quartos e outras de quatro dormitórios, quatro pistas de pouso. O futuro comprador ainda levará no pacote 20 mil cabeças de gado, nove tratores, um caminhão e uma retroescavadeira. Além disso, as fazendas vêm equipadas de um caminhão, nove tratores e uma retroescavadeira e uma casa que comporta 40 funcionários.

Imagens da fazenda luxuosa

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 1-57-1.jpg
Escrever legenda…
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 1-53.jpg
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 1-52.jpg
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 0ca4c44e1fea54613630a2712191958a.jpg

Cantor foi denunciado pelo filho de Lula por fake news

Recentemente o cantor sertanejo Amado Batista, declaradamente apoiador de Jair Bolsonaro e com quem se encontra constantemente, acusou durante entrevista ao programa “Frente a Frente” da Rede Nordeste de Rádio o ex Presidente Lula e seus herdeiros de roubarem durante a gestão do político petista.

Não contando com as consequências de sua fala, não só o Partido dos Trabalhadores se dispôs a processar o cantor sertanejo como também, Fábio Luís Lula da Silva, que apresentou uma queixa-crime de injúria contra Amado Batista.

Na ocasião em que declarou a acusação, o músico veterano concordou quando o apresentador do programa, Magno Martins, afirmou que “Antes do Bolsonaro, o dinheiro brasileiro era investido para ajudar países comunistas”. Foi quando Amado afirmou: “Além de roubar pra caramba, né?”.

Confirmando que estava se referindo ao ex Presidente Lula, o compositor ainda fez questão de englobar os herdeiros do petista: “Tanto ele quanto os filhos dele, né? (…) É só ir para o Pará, lá para o Mato Grosso, para vocês verem ao vivo e a cores”, insinuando que um dos filhos do político é latifundiário.

Há ainda a possibilidade de uma ação de indenização por danos morais que um dos advogados responsáveis pela defesa do filho Lula, Marco Aurélio de Carvalho, não descartou. “Amado Batista, com ausência completa de civilidade, ofendeu a dignidade e o decoro de Fábio Luís. Deve, pois, responder pelas mentiras que veiculou, civil e criminalmente”, afirmou.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.