Grupo Semex fecha semestre com crescimento de 38%

Grupo Semex fecha semestre com crescimento de 38%

PARTILHAR
Foto: Divulgação

O mercado de genética bovina vem apresentando bom desempenho em 2019, dados são um comparativo do mesmo período de 2018.

A Semex Brasil encerrou o período com um crescimento de 38% no faturamento em comparação ao mesmo período de 2018. De acordo com o diretor-presidente do Grupo Semex, Nelson Eduardo Ziehlsdorff, as raças de corte puxaram esse aumento nas vendas de sêmen. “Fizemos uma série de investimentos para garantir aos produtores brasileiros acesso à genética de touros provados e com índices genéticos muito superiores. Neste segundo semestre, a procura por este tipo de animal deve continuar bastante acentuada”, explica o diretor-presidente da Semex. 

A Semex também tem investido na infraestrutura das empresas do Grupo – Tairana e Cenatte – para elevar a qualidade do sêmen e dos embriões produzidos. Foram adquiridos equipamentos de última geração que estão sendo utilizados para o processamento de sêmen na Tairana e para a produção de embriões no Cenatte. Outros investimentos foram feitos em programas de soluções genéticas com foco em genômica, fertilidade e multiplicação da genética de animais superiores. A equipe ainda foi reforçada com a contratação de quase 30 novos profissionais.

Produção de embriões – O Grupo Semex vem investindo para atender à crescente demanda por embriões e sêmen das raças bovinas selecionadas no Brasil. O Cenatte Embriões, empresa que integra o Grupo Semex, ampliou sua produção em 10% para atender aos mercados externo e interno e abriu um laboratório na Colômbia e mais dois no México, chegando, assim, a três unidades em solo mexicano. A expectativa é fechar 2019 com uma produção de 150 mil embriões. O Cenatte tem exportado tecnologia para vários países da América Latina, como Paraguai, Colômbia, e Costa Rica. O laboratório tem sede em Pedro Leopoldo/MG e filial em Castro/PR, mas conta com unidades em vários países.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.