Juíza coloca na prisão ladrões de roubo de gado

Juíza coloca na prisão ladrões de roubo de gado

PARTILHAR
quadrilha de roubo de gado
Suspeitos foram presos em cumprimento de mandados (Foto: Priscilla Torres/FolhaBV)

De acordo com um dos delegados, suspeitos atuam há dez anos e crimes se repetem há bastante tempo. Agora, por determinação da juíza, eles foram para prisão!

Nessa sexta-feira (24) a juíza Sissi Marlene Dietrich Schwantes, da Comarca de Alto Alegre, determinou a prisão preventiva de Harrison Nei Costa Correa Mota, o “Ney Mentira”, de 45 anos, José Pena Mangabeira, o “Zé do Boi”, e Jaime Nogueira Lima, o “Cobra”. 

Os envolvidos são integrantes de uma quadrilha que atuava no furto e roubo de gado, crime conhecido como abigeato, e que ocorria em vários municípios do Estado.

A operação da Polícia Civil, realizada em março, pela Delegacia de Alto Alegre e coordenada pela Delegacia Geral de Polícia, desmontou uma quadrilha que atuava no furto e roubo de gado, crime conhecido como abigeato, e que ocorria em vários municípios do Estado. Sete mandados de busca e apreensão e quatro de prisões preventivas foram cumpridos. 

Os envolvidos foram presos temporariamente, no dia 26 de março, e encaminhados a Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, na zona Rural de Boa Vista.

A juíza Schwantes, atendeu um pedido feito pela Polícia Civil para converter a prisão temporária em preventiva por entender que era necessário garantir a ordem pública diante da gravidade dos delitos cometidos, inclusive um dos envolvidos é suspeito de ter estuprado mulheres após os roubos.

“Eles atuam, pelo que nós sabemos, há dez anos. Desde que nós chegamos a Roraima, em 2003, já sabíamos de alguns nomes conhecidos e as ações se repetem há bastante tempo. Nos últimos três meses, eles aumentaram a prática desse crime a tal ponto que partiram para outros delitos, como estupro, violência. Além do furto do gado, eles também praticavam agressões, o que pode se configurar como roubo”, destacou o delegado geral.

Foram presos em cumprimento de mandado Harrison Nei Correa Mota, de 45 anos, apelidado de “Ney Mentira”, em Boa Vista, no bairro Santa Tereza, e Jaime Nogueira Lima, 43, apelidado de “Cobra”, no bairro Azul, município de Alto Alegre. No momento do cumprimento do mandado, os policiais apreenderam munição em sua casa.

Jaime Lima foi reconhecido por duas mulheres como autor do crime de estupro praticado contra elas. Uma delas é uma menina, de 12 anos. A outra vítima tem 33 anos. Após praticar os roubos nas fazendas, foi registrado que o homem chegou a abusar sexualmente das vítimas. Ele é considerado violento.

Moisés Costa de Souza, de 35 anos, foi preso em uma chácara na zona rural de Alto Alegre; José Pena Mangabeira, conhecido como “Zé do Boi”, de 32 anos, foi preso no bairro Pricumã, em Boa Vista. Ele é investigado por crimes de estelionato e furtos mediante fraude em vários municípios e em Boa Vista. Além disso, responde a vários processos judiciais penais.

Compre Rural com informações da Folha BV

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com