Lançada a Frente Parlamentar de Apoio ao Produtor de Leite

PARTILHAR
pecuária leiteira
Foto divulgação.

Frente Parlamentar de Apoio ao Produtor de Leite, formada por um grupo de deputados e senadores para defender temas relevantes a cadeia da pecuária leiteira.

Foi lançada nesta quarta, 27, no Congresso Nacional, em Brasília, a Frente Parlamentar de Apoio ao Produtor de Leite, formada por um grupo de deputados e senadores para defender temas relevantes a cadeia da pecuária leiteira. A proposta da criação do colegiado foi do deputado Vitor Hugo (PSL-GO), que irá presidir a frente.

Conforme anunciado pelo Compre Rural, hoje foi um dia histórico para a pecuária leiteira, uma comemoração que atinge o Brasil de Norte a Sul. Os pecuaristas estão contentes com este avanço. Apesar de saber que foi apenas uma batalha vencida, a luta por melhores condições para aquele que produz segue firme e ganha força!

A comemoração foi grande para o presidente da FPPL, que publicou em sua rede social “GRANDE DIA! 🇧🇷 Agradeço a todos que estiveram presentes no lançamento da Frente Parlamentar de Apoio ao Produtor de Leite, que tenho muito orgulho de presidir. Todo o evento foi transmitido ao vivo em todas as minhas redes sociais e deixei a íntegra salva para que vocês possam conferir”

O evento ainda contou com o lançamento da PL 3292/2020 – Anúncio aos Produtores de Leite. “É com imensa alegria que comunico que o senador @vanderlancardosooficial será o padrinho do Projeto de Lei 3292/2020, de minha autoria, no Senado Federal. Vamos continuar acompanhando de perto, para garantir a aprovação dessa matéria tão importante para os produtores de leite de todo o Brasil”, disse o Major Vitor Hugo, presidente da Frente.

Ainda segundo ele, a criação de uma frente parlamentar pode favorecer a criação de políticas específicas aos produtores de leite, uma vez que hoje o setor é pautado pela lei de mercado, como destaca o comentarista.

A FPPL é uma entidade de direito privado e sem fins lucrativos e tem como objetivo prestar apoio, promover e garantir a execução de políticas públicas que beneficiem o produtor de leite, estabelecendo um ambiente de maior segurança para prosperar.

A iniciativa surgiu a partir de movimentos de base e nas redes sociais – dentre os quais o Inconfidência Leiteira, Construindo leite Brasil e Aliança e Ação – que, unidos, entraram em contato com os deputados e pediram a criação da Frente.

“Entendemos que precisamos mudar legislação da atividade no País, para evoluir como um todo e sermos competitivos globalmente. A FPPL vai servir a todos os seguimentos da cadeia leiteira nacional, assim como entidades e outras instituições que precisem dos seus serviços”, declarou um dos representantes dos movimentos de base. 

Com sede e foro no Distrito Federal, a FPPL é instituída com tempo indeterminado de duração e tem como finalidades:

  • Acompanhar a Política Nacional referente à produção de leite no país, manifestando-se quanto aos aspectos mais importantes de sua exequibilidade;
  • Incentivar programas e políticas públicas propostas pelo Governo Federal;
  • Buscar, de modo contínuo, o aperfeiçoamento da legislação referente a produção de leite, atuando no processo legislativo a partir das comissões temáticas nas duas Casas do Congresso Nacional;
  • Cooperar com entidades governamentais no que concerne à seleção e acompanhamento das atividades que visem melhorar e inovar a produção de leite no país;
  • Incentivar a promoção de debates, simpósios, seminários e outros eventos relacionados à Política Nacional para a Produção de Leite;
  • Promover o intercâmbio com outras frentes parlamentares, visando o aperfeiçoamento recíproco das respectivas estatais.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com