PMGZ Internacional: Panamá implantará projeto brasileiro

PMGZ Internacional: Panamá implantará projeto brasileiro

PARTILHAR
pmgz-internacional-assinado
Foto: Divulgação

Criadores de zebuínos no Panamá vão contar, a partir de agora, com o Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos (PMGZ) da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ).

O convênio entre a ABCZ e a Asociación de Criadores de Cebú en Panamá (Cricepa) foi assinado nesse fim de semana, durante a 63ª Feria Internacional de David, na província de Chiriqui, no Panamá.

O presidente da ABCZ, Arnaldo Manuel de Souza Machado Borges, juntamente com os diretores da entidade, Ana Cláudia Mendes de Souza e Eduardo Falcão, além da gerente do departamento de Relações Internacionais, Icce Garbellini, participaram da assinatura do convênio.

“A parceria foi efetivada com o presidente da Cricepa, Monty Motta Junior, depois de um trabalho que teve como grande impulsionador o criador Alexis Aparício. Ele é do Panamá, e já visitou a ABCZ por várias vezes. Conhece muito do nosso trabalho, e foi um dos primeiros a importar material genético brasileiro para aquele país. A expectativa por lá é muito grande, já que existe um enorme potencial, até porque é um país tropical, e também muito interesse do setor”, revela o presidente da ABCZ.

Leia também

Arnaldo Manuel ressalta ainda que a assinatura do convênio é apenas mais um passo no caminho que deve ser percorrido para a implantação do programa brasileiro no rebanho panamenho. O próximo deve ser dado durante a ExpoZebu 2018, quando uma comitiva do país deve desembarcar no Brasil para acompanhar a feira. “Durante a ExpoZebu iremos traçar as novas ações, que, com certeza inclui um treinamento completo com técnicos de campo do Panamá. A forma como o Registro dos animais é feito naquele país é diferente da nossa. Existem ainda outros pontos que precisam ser alinhados. Será um trabalho que trará bons resultados. Tenho certeza!”, garante.

PMGZ Internacional

O Panamá é o terceiro país a assinar o convênio com a ABCZ para a implantação do PMGZ Internacional. O primeiro deles foi a Bolívia, em setembro do ano passado. Cerca de três meses depois, um grupo de técnicos da Asociación Boliviana de Criadores de Cebú (Asocebu), que estão diretamente envolvidos na implementação do programa naquele país, participaram de uma capacitação na ABCZ. Já em outubro foi a vez de representantes da Câmara Nicaraguense de Criadores efetivar o convênio com a ABCZ, para a implementação do programa. O PMGZ Internacional foi lançado em maio de 2017, durante a 83ª ExpoZebu.

Via ABCZ

-- conteúdo relacionado --
Precoce MS: carne será reconhecida como a melhor d... Campo Grande (MS) – Lançado hoje (17) pelo Governo do Estado, o Precoce MS ganha status de programa estratégico de longo prazo com o objetivo de estim...
BeefExpo 2017: A carne do amanhã, essa missão é no... A BeefExpo 2017, o maior evento indoor da cadeia da carne bovina na América Latina, programada para 6 a 8 de junho, em São Paulo, quer dar sua contrib...

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com