Polícia acaba com quadrilha de roubo de cargas, confira!

Polícia acaba com quadrilha de roubo de cargas, confira!

PARTILHAR
Lauro Alves / Agencia RBS

De acordo com estimativas das autoridades, o prejuízo causado pela organização criminosa, em atuação há cinco anos, passa de R$ 1 bilhão.

Polícia Civil do Rio Grande do Sul prendeu membros de uma organização criminosa especializada em furto e desvio de cargas de grãos, como soja, milho, arroz e trigo. De acordo com estimativas das autoridades, em cinco anos de atuação, a quadrilha causou prejuízo superior a R$ 1 bilhão.

Os criminosos vinham sendo investigados desde meados de maio deste ano, em um trabalho conjunto dos policiais civis com a Brigada Militar, Polícia Rodoviária Federal e Comando Rodoviário da Brigada Militar.

Operação Graneleiro, que foi realizada de forma simultânea em nove cidades do Rio Grande do Sul e em três municípios de Santa Catarina, envolveu cerca de 150 policiais e 40 viaturas.

Foram executados 26 mandados de prisão preventiva, 28 mandados de busca e apreensão residencial, 30 mandados de apreensão de caminhões e carros utilizados/adquiridos pelo grupo criminoso, além de outras ordens judiciais.

Até as 10h, 15 pessoas haviam sido presas, 10 apenas em Cruz Alta.

“O grupo criminoso é integrado por pelo menos 26 pessoas e atuava de maneira empresarial, com posições definidas de chefia, pessoas encarregadas da contratação de fretes, recrutamento de motoristas, compra e manutenção de caminhões e “laranjas”, que serviam para o registro de caminhões, imóveis, empresas fantasmas e demais investimentos da renda obtida com os crimes”, detalha a Polícia Civil.

A quadrilha era comandada por três homens, um deles residente em Ijuí (RS) e dois em Cruz Alta (RS), sendo que dois deles já foram presos em julho deste ano. Na ocasião, o grupo criminoso estava desviando uma carga de 39 toneladas de arroz, que ia de Pelotas (RS) a Imperatriz (MA). Oito homens foram presos.

O outro chefe do empreendimento criminoso foi preso preventivamente nesta manhã, na cidade de Ijuí (RS), e também foram feitas buscas em sua casa, sendo apreendidos objetos e veículos relacionados à investigação.

De acordo com a Polícia Civil gaúcha, desde o meio do mês de maio a delegacia de São Luiz Gonzaga, no Noroeste do estado, investiga uma organização criminosa especializada em furtar e desviar cargas de grãos, como soja, arroz, trigo e milho.

A coordenação da operação está a cargo da DRACO de São Luiz Gonzaga, mas os trabalhos foram realizados de forma integrada com as Delegacias de Polícia Regionais de São Luiz Gonzaga, Ijuí, Cruz Alta, Santa Maria, Santiago, Três Passos e Carazinho. Cabe destacar ainda a integração dos trabalhos com a Brigada Militar nas cidades de São Luiz Gonzaga, Ijuí e Cruz Alta, além da PRF em Santiago, São Borja, Cruz Alta e Ijuí, bem como o Comando Rodoviário da BM em Passo Fundo, Santo Ângelo e Cruz Alta.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.