Polícia impede roubo 100 cabeças de gado e acaba com quadrilha

Polícia impede roubo 100 cabeças de gado e acaba com quadrilha

PARTILHAR

Cinco pessoas estavam envolvidas na execução do roubo de 100 novilhas. Ação rápida e bem coordenada da polícia impediu o furto e acabou com a quadrilha.

Constantes roubos de gado (abigeato) vêm acontecendo na região dos Distritos de Arapuá e Garcias. No dia 10 de março 30 cabeças de gado nelore e cruzadas foram roubadas numa fazenda a dez quilômetros do Distrito de Arapuá,  e no último 01 de abril mais 35 cabeças foram roubadas na região do Batuira que faz parte do Distrito de Garcias.

E assim uma força policial vem agindo nesta região, que na data de ontem (03) de abril, com atuação do Serviço de Inteligência da Polícia Militar de Três Lagoas foi decisiva para impedir a ação de uma quadrilha que estava agindo em uma propriedade rural, próximo ao Distrito de Arapuá.

A ação resultou na prisão de cinco pessoas envolvidas, evitando mais um roubo de 100 novilhas, que já estavam apartadas no mangueiro da Fazenda Bom Jardim.

Tudo começou com a desconfiança do dono da fazenda que ao visitar a fazenda, encontrou sinais de pegadas de pessoas, próximo ao mangueiro, como havia chovido ficaram mais visíveis as marcas deixadas no local.

E assim o proprietário da fazenda acionou a policia, que num veículo descaracterizado se dirigiram até a propriedade rural. No local encontraram além das pegadas, as 100 cabeças de gado, que estavam apartadas no curral, pronto para ser embarcada.

Já no final da tarde, os policias avistaram um veículo Ônix, com placas da cidade de Buritama (SP), entrando na fazenda. No veículo estavam três indivíduos, que a serem abordados, em revista ao carro, foram encontradas várias cordas, serra, uma turquesa, além de aparelhos de celular.

Os elementos confessaram que iriam transportar o gado, e havia dois motoristas num posto com duas carretas de cor branca, aguardando serem acionados para se dirigir a fazenda embarcar o gado.

A equipe pediu reforço policial, e a força especial foram ao posto, onde avistaram as carretas informadas.

Ao se aproximarem dos caminhões, a equipe da Polícia Militar, que estava em veículo descaracterizado e à paisana não chamou a atenção dos motoristas.  Não havia ninguém próximo das carretas e os militares resolveram aguardar até o momento que um dos motoristas se aproximou, quando foi abordado. Ao ser questionado, ele confirmou que estava aguardando uma ligação para se dirigir a fazenda Bom Jardim, para embarcar o gado. Indagado onde estava o outro motorista, ele respondeu que estava descansando na cabine da carreta, fato comprovado pelos policiais.

Uma outra equipe da Força Tática foi acionada e apreendeu as carretas com placas de José Bonifácio/SP, juntamente com os condutores, que encaminhados à delegacia de polícia para registrar o Boletim de Ocorrência. Ao todo, cinco pessoas foram presas. Os elementos confessaram ainda que o gado seria transportado para Pereira Barreto.

Flagrante

Foi abordado um veículo Ônix de Buritama/SP com três indivíduos próximo a fazenda em atitude suspeita, sendo localizadas turquesa, serra e várias cordas. Em entrevista com o três, foi descoberto que os motoristas estavam no posto base em duas carretas brancas de José Bonifácio/SP. A Força Tática deslocou até o posto e localizou as carretas, onde os motoristas confirmaram o transporte do gado. Todos foram detidos e encaminhados ao distrito policial para ratificação do flagrante. Os cinco acusados vão passar por uma audiência de custódia, onde o juiz vai decidir se os coloca em liberdade ou determine a prisão dos envolvidos.

Com informações de Perfil/News

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com