Polícia “mata” operação com roubo de gado e até armas

Polícia “mata” operação com roubo de gado e até armas

PARTILHAR
(Foto: PMMT)

A Polícia Militar foi acionada pelo dono de uma fazenda que disse que seus bois estavam sendo furtados. Ele contou que viu quando um caminhão boiadeiro passava pela sua propriedade.

Dois homens foram presos na noite desta sexta-feira (21) depois de furtar bois em uma fazenda em Conquista D’Oeste (a 571 km de Cuiabá). O dono da fazenda viu um caminhão de transporte de bovinos passando pela sua propriedade e acionou a Polícia Militar. Ele alegou ter sentido falta de pelo menos 36 cabeças de bois.

Policiais montaram uma barreira na BR-174 com apoio da PM de Nova Lacerda e pararam o motorista do caminhão que transportava oito cabeças de boi. Os animais estavam marcados com iniciais do proprietário da fazenda que fez a denúncia.

Segundo o motorista, os animais seriam entregues a um homem que o havia contratado e que morava em Nova Lacerda. O contratante era na verdade caseiro da fazenda onde estava furtando o gado.

O motorista alegou ter sido contratado por um homem, passou o primeiro nome e que deveria deixar o gado em uma fazenda em Nova Lacerda. A pessoa indicada seria funcionário da vítima e morava na propriedade. Ele teria ajudado a colocar os animais no caminhão.

A PM foi até o suspeito de coordenar o roubo, e ele confessou que estava vendendo o gado do patrão, e chegou a indicar um dos compradores. Pelo menos três vendas já teriam sido realizadas pelo criminoso.

Os militares foram até a propriedade e confirmaram a informação. O homem alegou que não sabia que o gado era furtado, pois acreditava estar negociando com o proprietário e também foi preso.

Aos policiais o comprador, que afirmou não saber da procedência dos animais, não teve argumentos para convencer os PMs, que também o prenderam.

O motorista do caminhão, por sua vez, demonstrou que não sabia da ação criminosa e ficou apenas como testemunha. Já o caseiro, além de ser preso ainda teve apreendida uma espingarda calibre 22 com 11 munições.

Com informações da Assessoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com