Polícia mete bala em ladrão de gado, carga valia R$ 60 mil

PARTILHAR

Cerca de 14 animais haviam sido furtados de uma propriedade na região e os ladrões fugiam com um caminhão carregado quando começou o tiroteio!

Segundo as informações divulgadas pela Policia Militar do Rio Grande do Sul, eles foram recebidos com tiros disparados pelos bandidos que haviam furtado a carga de animais avaliada em mais de R$ 60.000,00. Os bovinos foram recuperados e os ladrões levaram alguns tiros! Confira as imagens!

Policiais militares de Passo do Sobrado, no estado do Rio Grande do Sul, foram alvos de disparos na noite dessa segunda-feira, 29, em Passo do Sobrado. Após receber a informação de moradores de que um caminhão Ford, modelo F-600, cor branca, com placas de Venâncio Aires, estaria transportando uma carga suspeita de furto abigeato, a guarnição de plantão, composta por dois PMs, deu início às buscas.

Às 23 horas, o veículo com as características mencionadas foi localizado em uma estrada vicinal da localidade de Passo da Mangueira, próximo do chamado Corredor dos Fontouras. Após os policiais anunciarem a abordagem, o caroneiro desceu do caminhão e fugiu para o mato.

Já o motorista abriu fogo. Munido de um revólver calibre 38, efetuou diversos tiros contra a guarnição, que se abrigou e revidou, também disparando com arma de fogo.

Após a troca de tiros, o motorista acabou fugindo em direção a uma lavoura de mandioca. Os policiais militares não foram atingidos durante a ocorrência. Na sequência do fato, a guarnição verificou que na carroceria do Ford estavam 14 animais sem procedência esclarecida.

A suspeita é de que o gado havia sido furtado momentos antes em uma propriedade rural do interior de Passo do Sobrado.

Os animais foram apreendidos e deixados com um homem, que ficou na condição de fiel depositário até ser identificado quem de fato era o dono do gado. Uma ocorrência foi registrada pelos PMs que atuaram na abordagem.

O caminhão Ford F-600, que foi encaminhado a um depósito, está no nome de um morador de Venâncio Aires, de 27 anos, que será chamado para prestar esclarecimentos. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Dez ladrões roubam R$ 1 milhão em cabeças de gado e polícia prende cinco suspeitos em comboio em MT

Cinco pessoas foram presas com 115 cabeças de gado roubadas de uma propriedade rural em Vila Rica, Mato Grosso. Os animais estão avaliados em R$ 1 milhão.

Uma ação integrada da Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Confresa e Polícia Militar de Vila Rica e do estado do Pará resultou na recuperação dos animais no sábado (6).

Cinco motoristas de caminhão que realizavam o transporte dos animais foram presos em flagrante por receptação qualificada.

O roubo ocorreu na noite de sexta-feira (5) em uma fazenda a aproximadamente 60 quilômetros do município de Vila Rica, ocasião em que cerca de dez homens armados renderam funcionários da propriedade, os mantendo amarrado e em cárcere privado até 8h de sábado.

Durante toda noite, os criminosos procederam o embarque das 115 cabeças de gado que foram distribuídas em cinco caminhões boiadeiros.

Assim que as equipes policiais foram acionadas do roubo, iniciaram as diligências por toda a região para identificar possíveis rotas de fuga dos criminosos.

Durante os trabalhos, uma equipe da Força Tática abordou o comboio de cinco caminhões, em uma estrada sentido ao estado do Pará.

Os caminhões estavam carregados de gado sendo três deles com 27 animais e outros dois com 17 cabeças de gado. Em verificação dos animais, foi constatado através da marca se tratar do gado roubado da propriedade.

Cinco suspeitos que estavam nos veículos foram detidos e conduzidos à Delegacia para as providências onde após serem interrogados pelo delegado Bruno Gomes Borges, foram autuados em flagrante por receptação qualificada por estarem no exercício da atividade profissional.

Segundo o delegado, as investigações continuam em andamento para identificar e prender os envolvidos no roubo e desarticular a atuação do grupo na região.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.