Preço do milho sobe rumo aos R$ 100,00/sc

PARTILHAR
Colheita de milho. Espiga de milho. Grãos. Colheitadeira
Foto: Wenderson Araujo/Trilux

De olho na quebra de safra a pressão altista continua nos mercados físico e futuro do milho, sustentado os preços. Na B3, o vencimento jan/22 ficou valendo R$ 96,81.

De olho na quebra de safra a pressão altista continua nos mercados físico e futuro do milho, sustentado os preços. Em Campinas/SP, já supera os R$ 97,00. Na B3, o vencimento jan/22 ficou valendo R$ 96,81, alta diária de 0,10%.

Durante a última semana 282,72 mil toneladas de milho foram exportadas, queda de 59,46% no comparativo semanal. Até o momento, em jan/22 foram embarcadas 980,20 mil toneladas do grão, volume 16,45% inferior que o mesmo período no ano passado. O preço médio da tonelada ficou em US$ 245,5/ton, com isso, as vendas externas do mês corrente totalizam uma receita de US$ 240,60 milhões equivalente a 52,38% de todo jan/21.

Boi Gordo

O mercado físico do boi gordo iniciou a segunda quinzena do mês andando de lado. Em ambiente de baixa liquidez, a média dos negócios concretizados nesta segunda-feira girou em torno de R$ 340,00/@ em São Paulo. Na B3, o contrato futuro do boi gordo com vencimento para jan/22, encerrou o dia cotado a R$ 339,15/@, valorizando 0,74% no comparativo diário.

As exportações de carne bovina in natura continuaram a avançar durante a última semana, 36,53 mil toneladas foram embarcadas, aumento de 2,98% no comparativo semanal.

Até o momento, em jan/22 foram vendidas para o mercado externo 72,0 mil toneladas de proteína bovina, volume 19% superior ao mesmo período no ano passado. Caso a média de exportações mantenha o ritmo atual, estima-se que jan/22 se encerre com cerca de 140 mil toneladas

Soja

Com o feriado nos EUA e dólar pouco variando, a soja mantém os preços no mercado físico brasileiro no patamar de R$ 177,00/sc em Paranaguá/PR.

Os embarques de soja perderam tração durante a última semana, com 488,61 mil toneladas foram exportadas e queda de 35,22% no comparativo semanal. Os embarques da oleaginosa para o mercado internacional nos 10 primeiros dias úteis do mês corrente totalizam 1,24 milhões de toneladas, volume 50,2 vezes maior que o mesmo período em 2021.

Fonte: Agrifatto

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.