Produtores ocupam laticínio e cobram pagamento

Produtores ocupam laticínio e cobram pagamento

PARTILHAR
produtores-reclamam-pagamento-do-leite-e-ocupam-dependencias-do-laticinio-gaivotas-em-laranjeiras-do-sul-15583668324883
Foto Divulgação.

Produtores reclamam pagamento do leite e ocupam dependências do laticínio gaivota, em laranjeiras do sul.

O laticínio contratou a empresa Tavares Segurança, de Cascavel, para manter o local intacto caso produtores queiram ocupar o pátio da empresa ou forçar a entrada. A Empresa usa armamentos pesados e é autorizada pela polícia federal para a prestação desses serviços. Em contato coma Educadora, a Tavares Segurança informou que foi contratada pelo laticínio para garantir a segurança da estrutura do local. 

A polícia esteve no espaço hoje pela manhã e, inclusive, vistoriou o trabalho e constatou a regularidade da empresa. 

Desde a última sexta-feira o pátio do laticínio Gaivota, em Laranjeiras do Sul, está sendo ocupado por produtores de leite que reclamam do não pagamento das últimas entregas.

De acordo com Edinaldo Camilo, de Barra Mansa do Iguaçu, em Rio Bonito do Iguaçu, a ocupação aconteceu após chegarem informações aos produtores de que o laticínio estaria fechando e os proprietários retirando os equipamentos.

Um outro produtor, que faz parte da ocupação, Vanderlei Luiz Costa, também de Rio Bonito do Iguaçu, reclama do não recebimento do leite fornecido à empresa e afirma que vão aguardar até as 2 horas da tarde, na tentativa de fazer um acordo que seja bom para ambas as partes. 

produtores-reclamam-pagamento-do-leite-e-ocupam-dependencias-do-laticinio-gaivotas-em-laranjeiras-do-sul-15583668294882
Foto Divulgação

O gerente responsável pela empresa de Laranjeiras também não gravou entrevista.

Os cheques dos produtores seriam pagos com o dinheiro da venda e, como não teve pagamento, não há dinheiro para pagar os produtores. Até o momento, ninguém se dispôs a dar entrevista

De acordo com informações obtidas pela reportagem da Educadora, o Laticínio Gaivota foi vendido para um advogado do Rio de Janeiro, o qual assumiu a empresa por 10 dias e depois desistiu do negócio, e devolveu o laticínio.

Os cheques dos produtores seriam pagos com o dinheiro da venda e, como não teve pagamento, não há dinheiro para pagar os produtores.

produtores-reclamam-pagamento-do-leite-e-ocupam-dependencias-do-laticinio-gaivotas-em-laranjeiras-do-sul-15583668334886
Foto Divulgação.

Até o momento, ninguém se dispôs a dar entrevista.

Fonte: Fonte: E 103 FM

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com