Qual a melhor opção de suplemento mineral?

Qual a melhor opção de suplemento mineral?

PARTILHAR
Foto Divulgação.

Mesmo sendo cada vez mais utilizado na pecuária brasileira, muitos produtores ainda têm dúvidas sobre o suplemento mineral para bovinos.

Para esclarecer essas perguntas, a Boi Saúde traz um panorama geral sobre o que é, como utilizar e também como escolher esse tipo de suplemento nutricional. Continue com a gente, com essa dica será possível melhorar a sua lucratividade.

Antes de mais nada, o que é suplemento mineral para bovinos?

São compostos suplementares para complementar a alimentação e nutrição dos bovinos não encontradas na pastagem e ração. O papel principal é evitar a perda de peso e também manter o gado sadio a ponto de estimular e aumentar a quantidade de leite produzido.

É uma mistura de cálcio, cloro, enxofre, fósforo, magnésio, potássio e sódio, cobalto, cobre, ferro, iodo, manganês, molibdênio, selênio, zinco. Todos elementos essenciais para proteger o gado de doenças e dar força no organismo.

Vantagens do suplemento mineral para bovinos 

  • Desenvolvimento sadio do animal, por isso, sempre orientamos que o suplemento deve ser oferecido desde os primeiros meses de vida. Quer saber como funciona o creep-feeding? Veja aqui: Creep feeding: realmente é importante a sua implantação? 
  • Supri as necessidades nutricionais não encontradas no pasto, ou seja, o bovino é bem alimentado com todas as vitaminas e sais minerais que precisa para ter uma engorda expressiva. E isso reflete diretamente na sua produtividade;
  • A qualidade dos produtos, seja carne, seja leite, são garantidas. O suplemento mineral auxilia não só na manutenção de peso e engorda. Como também previne doença, protegendo o organismo de dentro para fora.

Tipos de suplemento mineral para bovinos 

Basicamente, são três os tipos mais usados na nossa pecuária. Vamos descrever um pouco sobre cada um deles, dessa forma, você poderá conhecer um pouco mais e utilizar aquele que se adeque a seu sistema:

Sal mineral proteico energético

O sal proteico energético é um elemento fundamental para a engorda do gado. Quando utilizado em todas as épocas do ano, protege contra a perda de peso e potencializa a nutrição. Com isso, repõe os componentes não encontrados no pasto.

Sal mineral 

O sal mineral tem a função de corrigir as deficiências de minerais na dieta dos ruminantes, como cálcio, ferro, enxofre, entre outros e não são encontrados na pastagem ou encontrados parcialmente. Dessa forma, esses elementos devem ser complementados com o uso desse sal.

É muito importante o uso do sal, uma dieta rica em proteína e energia, sem cálcio ou magnésio suficientes, não proporcionam o ganho de peso esperado.

É possível, inclusive, oferecê-lo com fubá, principalmente no período de adaptação.

Sal proteinado 

O sal proteinado nada mais é que um suplemento enriquecido com proteínas, que além desse macronutriente, oferece minerais complementares para manter ou repor a deficiência no organismo do animal.

Entre eles: cálcio, ferro, zinco, fósforo, vitaminas A e E, entre outros. Ainda, existem horários certos para oferecer o sal proteinado para o gado.

Compre Rural com informações do Boi Saúde.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com