Ranger 2020: Preço especial para produtor rural

Ranger 2020: Preço especial para produtor rural

PARTILHAR
Foto Divulgação.

Ranger 2020 é lançada sem mudança de preço, estilo renovado e condição especial para produtor rural. Novo plano de desconto garante melhores preços!

A Ford lançou a linha 2020 da picape Ranger, mantendo inalterados os preços das versões, mesmo com introduções tecnológicas. Os valores começam em R$ 128.250, do modelo de entrada XLS 4×2 e motor 2.2, e vão até R$ 188.990, da topo de linha Limited, que é 4×4 e tem propulsor 3.2.

“Foi possível equalizar os preços em vista da perspectiva de crescimento (da fatia de mercado); queremos mais consumidores com Ranger”, disse o diretor de marketing da Ford para a América do Sul, Maurício Greco. A Ranger 2020 começa a ser vendida em agosto e tem cinco anos de garantia.

Outra novidade anunciada na Argentina – local do lançamento e também onde é fabricada a picape vendida em todo o continente – é que a Ranger abandonou as versões flex, usando apenas motorizações a diesel, que seria uma tendência do mercado brasileiro. Os motores disponíveis são o 2.2 de 160 cv e o 3.2 de 200 cv.

De acordo com a Ford, a Ranger 2020 ganhou 600 novas peças. As mudanças mais perceptíveis estão na área frontal da picape, que ganhou uma nova grade trapezoidal, com duas barras horizontais. Os faróis redesenhados têm máscara negra e iluminação diurna de LED – xênon na versão Limited. A antena ficou menor, e migrou para a parte traseira do teto. Além das seis cores disponíveis anteriormente, agora há também a opção perolizada azul Belize.

O produtor rural brasileiro terá condições especiais de financiamento, como o pagamento personalizado da Ranger com base no calendário por cultura agrícola. “Hoje, as montadores oferecem planos semestrais. A gente vai lançar planos com pagamento sazonais de verdade, de acordo com a safra”, destaca Fabrizzia Borsari, gerente de Marketing da Ranger.

As tabelas de financiamento, com todas as taxas e condições diferenciadas aos produtores rurais, serão divulgadas em agosto, quando os novos modelos começarem a ser vendidos e poderão ser consultadas nas concessionárias Ford pelo país.

Suspensão

Um dos destaques da Ranger 2020 é a nova suspensão. Segundo a Ford, o redesenho de algumas peças e o reforço em outros permitiu chegar-se a um sistema que melhora a movimentação da carroceria e a dirigibilidade da picape. O modelo ganhou também um controle adaptativo de carga, que consegue reagir ao peso transportado automaticamente.

Tecnologia

Entre as inovações tecnológicas presentes na versão mais sofisticada da Ranger 2020, o maior destaque é o sistema de frenagem autônoma. Segundo a fabricante, ele funciona por meio de câmaras instaladas no pára-brisa e de um radar instalado no pára-choque, podendo atuar em velocidades de até 80 km/h.

Se for detectada uma possível colisão com um pedestre ou outro veículo, é emitido um alerta sonoro para chamar a atenção do motorista e o sistema pré-carrega os freios para aumentar a força da parada, quando o pedal de freio for acionado. Se o motorista não tomar nenhuma ação – seja no volante, no freio ou no acelerados -, diz a montadora, os freios são acionados automaticamente.

Outra novidade é o sistema de reconhecimento de sinais de trânsito, que rastreia por câmera a sinalização das vias e informa os dados no painel, alertando o motorista sobre os limites de velocidade.

Também integram o pacote da versão topo de linha a tampa da caçamba com assistente de abertura e fechamento e um sistema que alerta o motorista quando ele sai da faixa de rodagem.

Preços

Ranger Limited 3.2 tração 4×4 (aut.) – R$ 188.990
Ranger XLT 3.2 tração 4×4 (aut.) – R$ 176.420
Ranger XLS 2.2 tração 4×4 (aut.) – R$ 154.610
Ranger XLS 2.2 tração 4×4 (manual) – R$ 147.520
Ranger XLS 2.2 tração 4×2 (aut.) – R$ 128.250

*O jornalista  viajou a convite da Ford Brasil

Compre Rural com informações do Canal Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com