Ação da polícia recupera gado avaliado em R$ 100 mil

Ação da polícia recupera gado avaliado em R$ 100 mil

PARTILHAR
Foto Divulgação

A polícia recuperou mais de 40 cabeças de gado, avaliadas em R$ 100 mil. A suspeita é de que a quadrilha era liderado por detento de presídio do Mato Grosso do Sul

Após quatro meses de investigações, a Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Rurais (DERCR), prendeu seis suspeitos de integrarem uma associação criminosa especializada em roubo e furto de gado. A Operação Divisas também resultou na recuperação de 46 vacas furtadas em outubro do ano passado, em Cachoeira Alta.

De acordo com as investigações, a quadrilha agia na região que faz divisa entre Goiás e Mato Grosso do Sul. Conforme apurado pela Polícia Civil, os suspeitos eram liderados por um detento do presídio de Cassilândia, cidade sul-mato-grossense.

POLÍCIA CIVIL DESARTICULA QUADRILHA DE FURTO E ROUBO DE GADO, Seis suspeitos foram detidos. 

Dos investigados, dois foram presos em Goiás e quatro no Mato Grosso do Sul. Também foram cumpridos mandados de busca e apreensão. As 46 cabeças de gado recuperadas estão avaliadas em R$ 100 mil. A operação contou com o apoio da Polícia Civil do Mato Grosso do Sul.

Nos últimos meses, a Polícia Civil realizou diversas operações para solucionar crimes cometidos em áreas rurais. Em outubro, por exemplo, a corporação foi responsável pela desarticulação da maior associação criminosa especializada em roubo e furto de gado. Oito pessoas foram presas. Considerando outras operações, a corporação recuperou centenas de cabeças de gado que haviam sido roubadas.

Em 2019, a atual gestão do Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Segurança Pública (SSP), iniciou um pacote de medidas para coibir crimes contra propriedades rurais em todo o Estado.

Entre as principais ações implantadas, está o Centro de Comando e Controle Rural, onde são coordenadas as operações de policiamento rural de todas as regiões goianas. É a única unidade do Brasil com essa finalidade.

A Patrulha Rural da Polícia Militar também ganhou reforço com novas viaturas e investimentos em ferramentas tecnológicas.

Investigações apontam a existência de uma Associação Criminosa liderada por um reeducando da cadeia de Cassilândia – MS, que se dedica a prática de furtos de gado na região de divisa entre os dois estados.

Fonte: Jornal Somos e O Anapolis

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com