Agrônomo é multado em R$ 15 mil por suposta “caça ilegal”

Agrônomo é multado em R$ 15 mil por suposta “caça ilegal”

PARTILHAR
javali no agronegocio
Foto: Divulgação

O IBAMA, órgão do Governo, acabou de multar o Agrônomo Jornalista por mostrar o descontrole dos Javalis no Brasil; Até quando teremos essa perseguição?

O IBAMA, um braça do Governo, autuou um AGRÔNOMO e JORNALISTA EM R$ 15 MIL, apenas POR MOSTRAR O DESCONTROLE DOS JAVALIS NO BRASIL, no valor de R$ 15 MIL por supostamente caça ilegal em Monte Azul Paulista/SP. Infelizmente, são por atitudes como essas que a praga do javali vem, cada vez mais, assolando a agropecuária e o meio ambiente de forma incontrolável.

O javali chegou no Brasil durante a década de 90, esse animais foram introduzidos onde seriam criados para produção e comercialização de sua carne exótica. Entretanto, por não haver um manejo e controle desses criatórios por parte dos responsáveis e fiscalizadores, os animais acabaram se tornando praga para no país.

Segundo as informações obtidas pelo Compre Rural, junto ao Rafael Salerno, da Rede Aqui Tem Javali, a multa é referente a ação jornalística na cidade supracitada, enquanto gravava programa Javali S. A. com o Advogado Mardqueu, mostrando os danos causados por javalis e lebres.

Sendo que o programa/documentário tem cunho jornalístico onde apenas entrevistou caçadores, pesquisadores e produtores rurais na qualidade de jornalista ao qual é registrado junto ao Ministério do Trabalho sob o número 0020573/MG.

Uma coisa é certa, precisamos nos unir para cobrar maiores explicações e respeito em relação aos caçadores e leis que, juntamente com os órgãos competentes venham a ajuda a mitigar os danos causados por essa praga que é o javali.

“A CAÇA DE CONTROLE É RECOMENDADA EM TODOS OS PAÍSES AFETADOS PELO PROBLEMA E NÃO CAPRICHO DE PESQUISADORES, CAÇADORES E GESTORES AMBIENTAIS TUPINIQUINS.”

Confira o vídeo abaixo com maiores informações sobre o assunto:

Prejuízos!

A região sul do Brasil, sofre com os ataques desses animais, tendo suas lavouras e animais atacados. Infelizmente, esses animais chegam a causar, em uma única noite, a destruição de mais de 50% de uma pequena lavoura de milho. Em regiões do sul, onde a população é maior, cerca de 200 mil animais, já gerou uma perda estimada de 40% das lavouras de milho.

Não vamos mais discutir se a caça é certa ou errada, esse problema já atinge pecuaristas e ambientalistas e precisa ser resolvido. O ataque aos humanos já começou a acontecer e tem causado ferimentos graves e até a morte de moradores de regiões onde os animais vivem.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.