Animais morrem com onda de calor

PARTILHAR
animais mortos por calor
Foto Divulgação.

Cem animais morreram em Liniers, na Argentina, pela onda de calor que chegou a mais de 40º graus e acabou levando a um grande prejuízo.

A onda de calor que está presente e de maneira bem intensa na Argentina, resultou na morte de mais de 130 animais em confinamentos e também em caminhões de transporte. A sensação térmica ultrapassou 45 ° e mais de 100.000 usuários ficaram sem eletricidade em Buenos Aires.

Como conseqüência das altas temperaturas e das longas viagens feitas pelo gado dos campos até a cidade de Buenos Aires, alguns chegaram já mortos, outros caídos e outros em condições muito extremas que causaram sua morte poucas horas depois de saírem do chão.

Leia também:

O calor dificulta muito os dias no campo, especialmente para o gado. Após as intensas chuvas e inundações que afetaram o norte do país, a onda de calor estava presente e resultou em centenas de bezerros mortos em campos e confinamentos diferentes.

Alfonso Monasterio, diretor do Liniers Market, assegurou que “a situação não é normal, mas esses níveis de calor são tudo menos normais”.

animais mortos por calor
Foto Divulgação.

Diante de temperaturas acima de 40 °, os animais não suportaram o tempo de espera. A grande maioria morreu após os leilões e o restante permaneceu no curral ou indo para o frigorífico.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Zootecnista pela Universidade Federal de Viçosa MBA em Gestão de Projetos pela UNIUBE, idealizador do projeto Tecnologia para o Agronegócio. Possui base técnica e experiência de campo em propriedades de corte e leite. Sócio-Diretor do Compre Rural. (62) 996441746 thiagorp100@gmail.com