PARTILHAR

Premiação por melhoramento genético da raça aconteceu em Campo Grande, MS, durante a realização do evento Brangus Forte.

A Embrapa Pecuária Sul foi premiada na última semana por ter sido a primeira empresa criadora de Brangus registrada Associação Brasileira de Brangus (ABB). A premiação reconheceu mais de 70 anos dedicados pela Embrapa ao fortalecimento da raça no Brasil e ocorreu em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

O prêmio foi entregue nas mãos do pesquisador Marcos Yokoo, que trabalha atualmente em projetos de melhoramento genético em busca de linhagens de Brangus mais dócil e mais resistente ao carrapato. A raça Brangus é constituída de bovinos taurinos (Aberdeen Angus) com zebuínos (Nelore), e une rusticidade, resistência a parasitas, tolerância às variações climáticas e habilidade materna (comum aos zebuínos), com vantagens verificadas nos taurinos, como qualidade da carne, precocidade sexual, elevado potencial materno e fertilidade.

A Embrapa iniciou a formação do rebanho base na década de 1940, quando foi organizada a associação dos criadores. A partir daí, a raça ganhou prestígio de várias regiões e consumidores exigentes, apreciadores de uma carne mais marmorizada, macia e suculenta.

Adaptado do Portal DBO

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.