Como identificar e reparar erros durante o plantio

Como identificar e reparar erros durante o plantio

PARTILHAR
plantio da soja
Foto: Nicoli Nayara Mendes

Depois que a semente é depositada no solo, dificilmente o potencial produtivo é aumentado; veja medidas que podem minimizar perdas

Por Giancarlo Rocco* – O processo de plantio é a etapa crucial para a definição da produtividade na lavoura. Após o momento em que a semente é depositada no solo, dificilmente o potencial produtivo é aumentado. Porém, existem algumas medidas que podem ser tomadas pelos produtores rurais durante o plantio para corrigir erros e minimizar perdas.

Para que esses problemas sejam solucionados, é fundamental que o agricultor conte com tecnologia capaz de identificar a falha e auxiliar em uma tomada de decisão eficiente. Os erros durante o plantio estão relacionados a parâmetros como população, singulação, espaçamento e emergência. Esses fatores devem ser observados com muita atenção.

Como identificar e reparar erros durante o plantio
Foto: Divulgação

Como o que não pode ser medido não pode ser controlado e muito menos continuamente melhorado, o primeiro passo para evoluir em termos de performance é ter em mãos, ainda na cabine do trator, os dados da operação. Atualmente, o produtor rural pode contar com monitores que mostram, em gráficos, uma visão agronômica completa do campo.

Na imagem acima, do monitor 20|20 da Precision Planting, diversas informações são transmitidas em tempo real, de modo que o operador tem a capacidade de medir os parâmetros e transformar os dados em informação útil para a tomada de decisão. O monitor, que está ligado a sensores, se utiliza das cores do semáforo (verde, amarelo e vermelho) para sinalizar pontos positivos, pontos de atenção ou a necessidade de um reparo urgente.

A ferramenta possibilita o manejo dos mais avançados sistemas de controle de população, pressão no solo, aplicação de líquidos ou sólidos, plantio de multi-híbridos e, até mesmo, sistemas de plantio em alta velocidade. Tudo isso, ao mesmo tempo em que monitora o sulco de sementes e outros parâmetros do equipamento.

Uma vez identificado o erro que está causando perda de produtividade, o agricultor precisa encontrar uma solução personalizada. Cada caso deve ser analisado separadamente e não existe solução única. Em algumas situações, será necessária a instalação de controladores nas máquinas para corrigir erros que surgem com frequência e que acabam sendo gargalos para os agricultores.

De todo modo, a grande notícia que uma tecnologia como essa traz, é a de que não é mais preciso esperar a safra seguinte para aplicar os aprendizados da safra atual. O monitoramento constante garante um cultivo mais controlado e eficiente, bem como o melhor aproveitamento e melhor conservação do solo. Em um mercado tão disputado e em uma era onde a agilidade está entre as principais virtudes de um negócio, o agricultor que estiver atento a isso ganhará em vantagem competitiva.

*Giancarlo Rocco é gerente de Marketing da Precision Planting no Brasil

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.