PARTILHAR

Os vestibulares estão chegando, fizemos uma relação dos cursos mais engajadas do agronegócio, opiniões e experiências de quem está no campo.

Em época de vestibular, os estudantes que querem focar sua carreira no agronegócio vivem um dilema para escolher a área a que vão se dedicar ao longo de toda uma vida. As opções são variadas: cursos tradicionais como medicina veterinária, agronomia e zootecnia disputam as preferências com outras atividades menos difundidas como engenharia ambiental, engenharia hídrica entre outras.

Decisão de qual caminho seguir é muito importante, pensando nisso o Compre Rural fez um resumo do que pode ser levado em conta na hora de escolher a profissão rural, dicas de como poderá tomar a sua decisão embasada nas suas emoções e razões, as melhores universidades avaliadas pelo MEC, tudo o que é preciso saber para dar o passo mais importante do seu início de carreira.

Recentemente fizemos algumas listas das melhores instituições públicas e privadas que tem na sua carteira de cursos focados no agro, confira abaixo:

Responsável por 23,5% do PIB brasileiro em 2017, o agronegócio oferece boas perspectivas profissionais.

O mercado de trabalho do agro está aquecido, a rede social de negócios LinkedIn disponibilizava 510 oportunidades para médicos veterinários e 280 para zootecnistas. Há posições para trainees, estagiários, recém-formados, profissionais com vários anos de experiência e professores das áreas.

O equívoco do “você tem que fazer o que gosta”

Içami Tiba (in memorian), psiquiatra e grande escritor tem um artigo que fala sobre as escolhas que fazemos, confira esse paragráfo – “Para uma boa escolha profissional é preciso uma boa base de preparo para o sucesso, que pode não ser prazeroso, mesmo gostando da atividade. Se o estudante for guiado somente pelo prazer, jamais chegará ao ponto de desfrutar os resultados de suas conquistas, pois as abandonará na primeira obrigação que encontrar. Confira artigo completo aqui.

Escolha da profissão: Está cada vez mais difícil para os jovens fazerem a escolha da futura profissão.

O agronegócio vem se mostrando uma exceção positiva no mercado de trabalho, especialmente para a população mais jovem, a que mais vem sofrendo com a elevação do desemprego no País. É o que afirmam especialistas, entre acadêmicos e headhunters, com significativa vivência no setor.

Depoimentos de pessoas que fizeram sua escolha pelo agronegócio.

“Eu sou ex-atleta e ex-acadêmico de educação física. Tive duas influências que me fizeram mudar de área, a primeira familiar, meu pai trabalha no campo há mais de 35 anos e também tive a influência da mídia que em meados de 2010 já falava que o agronegócio era o futuro do nosso país, confesso que hoje estou realizado com a minha profissão de Engenheiro Agrônomo”- Coimbra Martins Netto de Luís Eduardo Magalhães- BA, fez UNIPAR.

“A medicina veterinária sempre foi um sonho. Desde pequena eu já enxergava os animais de maneira diferente, como se a minha obrigação já fosse de cuidá-los! Com o tempo que eu passava na fazenda e convivendo de perto com eles eu só ia aumentando esse amor até que, um dia, eu pude realmente fazer isso se tornar realidade 😍. Sou encantada por cada uma das áreas que a veterinária oferece e grata, em especial, a minha irmã (também veterinária) que me ajudou na decisão de seguir essa profissão! 🐴❤” – Giulia Scalea, discente da UFMS.

“Nasci querendo ser médica veterinária, meus pais sempre tiveram propriedade na cidade de Paranaíba (MS) e desde cedo tive muito contato com o campo, comecei a andar a cavalo aos três anos de idade e isso refletiu meu amor pelos animais, meus pais sempre me ensinaram tudo sobre a vida no campo, essa relação familiar só aflorou meu amor pelo rural. Bovinos e equinos são as áreas que mais me atraem, um amor que não cabe dentro do peito de alguém que sempre soube o que queria pra vida” – Dara Oliveira discente UFMS.

“Minha escolha por engenharia agronômica tem duas grandes motivações, paixão e influência. Meu pai, produtor rural, tinha um sonho quando menino de ser agrônomo pois entendia que era a profissão do futuro, produzir alimentos para um mundo cada dia mais populoso é algo extremamente nobre, mas também foi esperto em despertar no filho a paixão pelo mundo rural, entretanto sempre deixando claro que eu poderia escolher qualquer profissão. As raízes que você cria pelo campo quando é pequeno definem bem também suas escolhas futuras, sempre gostei muito de plantar e colher, isso foi essencial para criar os laços afetivos, pessoais e profissionais” – Eng. Agrônomo Alan Moreira da Nutani Nutrição Animal.

“Zootecnia é ciência que estuda os meios mais adequados de promover a criação e conservação animal de forma a gerar produtos de origem animal saudáveis em quantidade adequada para contribuir com a vida das pessoas. Sua importância é estratégica a medida em que gera conhecimentos, inovações e tecnologias aplicadas ao desenvolvimento do negócio da pecuária em suas diferentes cadeias produtivas, divisas para o país e contribui de forma significativa com a empregabilidade da população economicamente ativa” – Marinaldo Divino Ribeiro presidente da ABZ.

Indiferente da profissão que escolher, é muito importante entender que “Uma pessoa ruim nunca será um bom profissional”, por isso é muito importante reunir várias habilidades profissionais e pessoais para obter sucesso no campo como em qualquer setor produtivo em nosso país.

Dicas de leitura:

5 carreiras do agronegócio que pagam bem para recém-formados

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Fundador e editor do Compre Rural, pós graduado em Consultoria Web, especialista SEO e aspirante a produtor rural.