Frigorífico pagará mais por gado de genética Adir

Frigorífico pagará mais por gado de genética Adir

PARTILHAR
Foto: Nelore Adir

Frigorífico Masterboi lançou uma proposta de pagar mais pela arroba do boi com genética de origem Nelore Adir, incluindo animais inteiros e cadastrados.

O frigorífico Masterboi decidiu adotar um novo parâmetro de qualidade para os abates dos bovinos em suas plantas. O objetivo é ajudar os fornecedores a melhorar a qualidade do rebanho regional diminuindo a idade de abate para uma faixa entre 18 e 20 meses, com ganho de peso e aumento do rendimento das carcaças. Algo nunca antes realizado no Brasil. O trabalho será realizado em conjunto com o Grupo Adir, que possui propriedades em Nova Crixás (GO) e Ribeirão Preto (SP), e há 57 anos se dedica ao melhoramento genético da raça Nelore a pasto.

Neste início de projeto, os abates ocorrerão normalmente e serão remunerados conforme o preço de mercado. A segunda fase envolverá o fornecimento somente de animais fechados na genética ADIR. A partir dessa fase os produtores receberão bônus financeiro pela qualidade da carcaça.

“O Brasil é hoje, um grande produtor de carcaças mas precisa alcançar a excelência na produção de carnes. Há um público que exige produtos de qualidade superior e acreditamos que a parceria com o Grupo Adir nos ajudará a atender essa demanda”, afirma o diretor do grupo Masterboi.

Foto: Nelore Adir

“A idéia partiu depois das análises feitas no rendimento da boiada com genética Adir nos abates técnicos realizados pela UNICAMP e também da Fazenda Conforto (que já possui parceria com a Nelore Adir). Foram abatidos mais de 34 mil bois e constataram um rendimento superior a 2,8% acima da média do frigorífico. O objetivo é abater animais jovens, com menos de 20 meses terminados em confinamento. O rendimento de carcaça sempre foi superior a 57%, sendo que animais filhos do touro Jiandut FIV da 2L tiveram um rendimento superior a 59%. No planejamento há abates para janeiro de 2020 com animais ainda mais precoces, com 15 meses de idade” relatou João Bonifácio Gonçalves.

O trabalho da Nelore Adir começou em 1958, ao longo dos anos o trabalho foi focado no desenvolvimento de um gado que seja produtivo e adaptado, que tenha precocidade, rusticidade, habilidade materna, padronização, aprumos e linha de dorso perfeitos. Para mais informações acesso o site da Nelore Adir ou ente em contato pelo WhatsApp (17)98132-7766.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.