Pecuária brasileira exige uma matriz de qualidade

PARTILHAR
A-expressão-do-nelore-matrizes-nelore-boy-fotografo
Foto: Boy Fotográfo

Durante uma Roda de Conversa, promovida na Expozebu 2021, criadores e técnicos abordaram a importância de uma matriz de qualidade na valorização das crias

A ‘Roda de Conversa com Criadores’ desta quarta-feira (05), durante a ExpoZebu 2021, abordou a importância das fêmeas na valorização das crias. A programação, que contou com a participação do vice-presidente da ABCZ, Fabiano Mendonça, reuniu virtualmente ainda outros quatro criadores: Beto Mendes, da Nelore do Sabiá, Fernando Barros, da Fazenda Mata Velha, Neurisvan dos Santos, da Agropecuária Colonial, e Carlos Eduardo Novaes, da Nelore CEN.

Entre os participantes, há uma unanimidade: o mercado de corte está passando por um momento de valorização muito grande e as fêmeas tem grande importância nisso. Beto Mendes, da Nelore do Sabiá, avaliou que a valorização é consequência de um déficit de touros e de fêmeas também. “Houve a valorização da arroba do tourinho e, com isso, a procura por fêmeas também aumentou. Eu tenho convicção de que esta demanda não será suprida de uma hora para outra e, por isso, o investimento em fêmeas vai continuar sendo interessante para quem quer produzir tourinhos”.

Fernando Barros, da Fazenda Mata Velha, disse acreditar que essa valorização do mercado de corte será prolongada por um período muito maior, porque representa um reflexo da grande procura por proteína vermelha no mundo todo. “Nós, que somos os grandes responsáveis por produzir isso aí. Estamos vivendo uma fase importantíssima, temos que buscar o melhor rebanho, com genética de ponta, para atender ao mercado e as fêmeas certamente tem participação importante nisso”.

Neurisvan dos Santos, da Agropecuária Colônia, reforçou que o mercado está cada vez mais exigente e os pecuaristas precisam se atentar a isso. “O mercado exige uma fêmea de qualidade, que possa produzir um bezerro de qualidade e a carne de qualidade que o mundo todo quer. O Brasil tem produzido bastante e tem melhorado muito a qualidade. As fêmeas tem participação muito importante nesse negócio, o negócio da carne, da pecuária de corte. Parabenizo a todos os pecuaristas que, assim como nós, valorizam esse produto chamado fêmea”.

Carlos Eduardo Novaes, da Nelore CEN, fechou a participação entre os convidados, destacando que mais do que nunca, é necessário investir na seleção das fêmeas que compõem o rebanho. “Hoje, qualquer criador tem acesso a qualquer touro por meio da inseminação. Então a importância de selecionar as fêmeas é muito grande. São elas que vão cuidar desse bezerro e acredito que essa valorização vai continuar por bastante tempo. A melhoria das fêmeas, a facilidade de parto e a habilidade materna são muito importantes”.

Por fim, o vice-presidente da ABCZ, Fabiano Mendonça, agradeceu aos pecuaristas participantes da ‘Roda de Conversa’, e parabenizou pelo conteúdo levado aos espectadores da ExpoZebu 2021. “É fundamental a gente conversar sobre matrizes, ainda mais com experientes criadores como estes. É muito importante em cada ciclo da pecuária, sempre evoluir com as matrizes. Com o mercado cada vez mais exigente, a tendência é esse ciclo ser mais longo. Foi muito rico para todos os criadores que nos acompanharam”.

Adaptado de Élcio Fonseca via ABCZ

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com