Recorde: Touro tem cota vendida por R$ 138.000

Recorde: Touro tem cota vendida por R$ 138.000

PARTILHAR
Reprodutor foi valorizado em R$ 276.000 (Foto: Divulgação)

Cota de 50% de reprodutor PO é comercializada por R$ 138.000 em virtual da Brangus HP; Negociação envolvendo o touro Anamélia M411 Castus cravou o recorde de preço na categoria em 2020.

Transmitido pelo Canal do Boi em 26 de setembro, o “Leilão Virtual Brangus HP e Brangus do Sertão” colocou em oferta machos e fêmeas de linhagens norte-americanas inéditas e movimentou R$ 2,4 milhões com a venda de 138 lotes para 53 compradores de 13 estados diferentes. A alta em relação ao pregão do ano passado foi de 75%.

A média geral foi de quase R$ 23.000 para os touros e R$ 12.000 para as matrizes; os exemplares PO saíram genotipados e com medições de ultrassonografia de carcaça. Um dos destaques do remate foi a comercialização da cota de 50% do touro Anamélia M411 Castus (750 kg e CE 40), da safra 2018 da Anamélia Brangus HP.

A Fazenda Três Marias (Ipixuna do Pará, PA) investiu R$ 138.000 para se tornar sócia do criatório com base em Martinópolis, no interior de SP, valorizando o animal em R$ 276.000. De acordo com o Banco de Dados da DBO, foi recorde de preço para a raça Brangus na categoria no ano de 2020. 

“Castus tem uma das melhores avaliações de carcaça do criatório aos 18 meses, sendo top 1% em inúmeras características no programa de melhoramento genético. Vem de uma linhagem muito consistente, com sua mãe produzindo outros destaques dentro do criatório”, aponta João Pedro Giudice, consultor em melhoramento genético da Brangus HP.

O garrote recebeu consultas de seis centrais de inseminação artificial para coleta e comercialização de sêmen. Os sócios também assumiram o compromisso de levar o animal para participar do Congresso Mundial do Brangus, na Argentina.

Castus não foi o único destaque do certame: as negociações da tarde também envolveram as cotas de 50% dos touros Anamélia FIV M345 Légatus e de Anamélia FIV M237, além da venda de 100% de Anamélia FIV 323L. Todos saíram contratados por centrais de inseminação – o primeiro reprodutor foi para a CRV Lagoa e os dois últimos para a ST Repro. A média dos touros de central foi de R$ 69.365.

A Central Leilões e Agreste Leilões organizaram o evento. O leiloeiro rural João Campo coordenou as captações dos lances no estúdio da leiloeira, em Araçatuba. Os pagamentos foram fixados em 30 parcelas.

* Com informações da assessoria de imprensa

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com