SAMURAI MAT: melhor touro em eficiência alimentar da Matinha

SAMURAI MAT: melhor touro em eficiência alimentar da Matinha

Nelore
Nelore Foto: Divulgação

O animal se destacou entre mais de 2 mil Nelores testados, em  eficiência alimentar do rebanho do Rancho da Matinha, em Uberana (MG).

O touro SAMURAI MAT, da bateria de corte zebu da CRI Genética, foi considerado o melhor em eficiência alimentar do rebanho do Rancho da Matinha, em Uberana (MG).

Após seis anos de análises e mais de dois mil animais testados, o criatório identificou o nelore Samurai como o número um nos indicadores de Consumo Alimentar Residual (CAR) e puramente consumo. Os resultados são baseados na avaliação do touro e de sua progênie.

Segundo Luciano Borges Ribeiro, proprietário do Rancho da Matinha, trabalhos estatísticos mostram que na produção de carne, a alimentação representa de 60% a 70% do custo total. “Testes realizados nos Estados Unidos, Austrália e Canadá verificaram haver entre animais grandes variações na ingestão de alimento para semelhantes ganhos em pesos. Por outro lado, estudos encontraram boa herdabilidade para a característica, indicando a possibilidade de seleção com sucesso. A CRI é uma central que tem como principal foco fornecer genética capaz de gerar grandes resultados econômicos e pode dizer hoje que tem o melhor touro Nelore para eficiência alimentar do Brasil”.

Segundo a gerente de produto corte CRI Genética, Juliana Ferragute, todas as baterias de zebu do mercado têm que ter touro da Matinha. “Um rebanho pioneiro na seleção de muitas características como precocidade sexual, longevidade da vaca no rebanho, ultrassom de carcaça e a mais recente, a eficiência alimentar. Dr. Luciano estuda o que há de melhor em cada raça pelo mundo e traz para o Nelore”, detalha.

“Inicialmente, quando o Samurai foi contratado, buscávamos nele as qualidades e características de um touro CRI: genealogia consistente, altíssima avaliação genética e biotipo precoce produtor de carne. O Samurai foi a sensação da Expogenética 2016 devido a sua carcaça moderna de costelas muito profundas e excelente desenvolvimento muscular, além da mansidão. O fato de ele ser o líder para eficiência alimentar veio agregar mais uma importante qualidade nesse reprodutor”.

Juliana acrescenta que a eficiência alimentar é uma característica de extrema importância, mas que no Brasil é pouquíssimo selecionada. “Primeiro pela dificuldade de coleta de dados, já que a grande maioria dos animais são criados a pasto e segundo que poucos pecuaristas fazem conta para saber que o grande impacto financeiro do seu negócio é na comida. Faz parte da ideologia da CRI oferecer ao nosso cliente o produto mais adequado para o seu negócio para que ele obtenha o melhor resultado financeiro. Poder oferecer um touro que irá transmitir precocidade sexual, precocidade de acabamento, rendimento de carcaça e tudo isso com eficiência alimentar é uma grande satisfação para nós”, finaliza.

Pioneirismo

A partir de 2011, o Rancho da Matinha foi a primeira fazenda a ter no Brasil o GrowSafe, que mede, sem interrupção, durante as 24 horas do dia, toda a comida consumida nos cochos por bezerros nelore. Nesse período, a fazenda passou a testar e selecionar animais mais eficientes, que produzem mais demandando menos alimentos. As análises dos dados obtidos são feitas pelo geneticista Bob Sainz.

Até 2016 haviam sido testados 2070 animais machos e fêmeas, filhos de mais de 50 diferentes progenitores. A análise produzida pelo Prof. Sainz, colocou SAMURAI MAT como touro número 1 tanto para CAR quanto para consumo. Suas progênies mostraram significativa maior eficiência alimentar quando comparadas com as progênies dos outros touros.

Fonte: CRI Genética