Touros das raças Hereford e Braford ganham país

Touros das raças Hereford e Braford ganham país

PARTILHAR
Foto: Fazenda Mãe Rainha

Segundo associação, comercialização atingiu diversos Estados brasileiros com participação de pecuaristas de locais como Acre, Maranhão e Pará.

Pulverização das vendas marcaram os leilões da temporada de primavera para os criadores gaúchos das raças Hereford e Braford. Vários Estados brasileiros adquiriram exemplares e genética nos remates realizados no Rio Grande do Sul durante o tradicional período de vendas da pecuária.

O presidente da Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), Luciano Dornelles, destaca, entretanto, que pecuaristas dos Estados do norte do Brasil começam a se interessar pelas raças. De acordo com ele, Acre, Maranhão e Pará fizeram várias aquisições. “Houve uma pulverização com relação as vendas. Estes mercados estão se abrindo e adquirindo nossa genética”, avalia.

Segundo Dornelles, também predominaram as vendas para Goiás, Minas Gerais, Paraná e São Paulo. “Foi um ano muito bom para as nossas raças como um todo. Os eventos que tivemos e os remates que ocorreram atenderam as nossas expectativas em relação a comercialização”, afirma.

O presidente da ABHB finaliza destacando que as vendas, tanto para Hereford e Braford, de machos e fêmeas, tiveram resultados robustos. “Praticamente a totalidade dos animais ofertados foram comercializados. Alguns remates tiveram importantes vendas com relação a valores expressivos e, sem dúvida nenhuma, houve uma comprovação bastante importante da qualidade genética dos materiais oferecidos Hereford e Braford”, salienta.

Nos leilões chancelados pela ABHB, conforme dados da entidade, as médias nos machos fecharam em R$ 10,48 mil no Braford e R$ 9,27 mil no Hereford. Já entre as fêmeas, a média ficou em 5,1 mil no Braford e R$ 4,23 mil no Hereford.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com