Concurso do MAPA terá salários de até R$ 15 mil

Concurso do MAPA terá salários de até R$ 15 mil

PARTILHAR
Fonte: MAPA

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento pediu ao Governo aval para abrir novos concursos, pedido é de 1,7 mil novas vagas.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, enviou um pedido ao Governo para um novo concurso MAPA. São solicitados 1.744 vagas, distribuídas em diversas carreiras, incluindo também o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), vinculado à pasta. A informação foi divulgada pela Assessoria de Imprensa do MAPA, que ainda disse estar protocolando um pedido para nomear candidatos aprovados do último concurso, realizado no ano de 2017.

Dessa maneira, o pedido do MAPA está em análise no Ministério da Economia, caso seja autorizado pelo ministro Paulo Guedes, será oficializado por meio de publicação no Diário Oficial da União. Como o pedido ainda está na dependência de um aval do Governo, ainda não há previsão para que os próximos editais sejam divulgados, porém a solicitação do órgão é vista com caráter de urgência.

O regime de contratação do MAPA é o estatutário, garantindo uma estabilidade empregatícia ao servidor. Outro atrativo no concurso, são os salários oferecidos. Entre os pedidos enviados ao Governo, é solicitado a autorização para convocar mais candidatos aprovados no concurso que está em validade. O MAPA pede a nomeação de mais 150 Auditores Fiscais Federais Agropecuários, além dos 300 já convocados.

O cargo exige graduação na respectiva área, o salário tem o valor de R$ 15.042,71, já incluso o auxílio-alimentação de R$ 458,00, com jornadas de trabalho de 40 horas.

Plano Geral de Cargos do Poder Executivo – PGPE

Fonte: MAPA

Plano de Carreira de auditor-fiscal agropecuário – AFFA

Fonte: MAPA

Plano de Carreira de Atividades Técnicas e Auxiliares de Fiscalização Federal Agropecuária – PCTAF

Fonte: MAPA

Déficit de 2.500 servidores no concurso MAPA

No ano de 2018, o MAPA enviou um pedido de concurso para 555 vagas. As oportunidades solicitadas foram para o cargo de Auditor Fiscal Agropecuário, nas especialidades de Engenheiro Agrônomo (100 vagas), Zootecnista (10 vagas), Químico (3 vagas) e Farmacêutico (2 vagas).

Além disso, a demanda também incluía as funções de Agente de Atividades Agropecuárias (200 vagas), Agente de Inspeção Sanitária e Industrial de Produto de Origem Animal (100 vagas), Economista (10 vagas), Estatístico (10 vagas), Analista Técnico Administrativo (80 vagas) e Agente Administrativo (40 vagas).

O pedido foi protocolado no mês de maio e depois foram feitas reivindicações dos sindicatos de auditores fiscais federais agropecuários. O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários (Anffa Sindical) se mobilizou com demandas como a realização de concurso e equiparação com outras carreiras de Auditores.

Foi informado pela categoria que o déficit era de 2.500 servidores no MAPA. Porém, esse número atualmente deverá ser ainda maior em decorrência do tempo e possíveis aposentadorias já previstas. Estavam em falta 1.600 profissionais só na área de Fiscalização Animal.

O que faz um Auditor Fiscal Federal Agropecuário do MAPA?

A categoria é uma das mais importantes no segmento alimentício do país. Ela atua nas áreas de auditoria e fiscalização, desde a fabricação de insumos, como vacinas, rações, sementes, fertilizantes, agrotóxicos, até o produto final, como sucos, refrigerantes, bebidas alcoólicas, produtos vegetais (arroz, feijão, óleos, azeites etc.), laticínios, ovos e carnes.

Embora essa função exista no serviço público federal há mais de 140 anos, a carreira só foi oficializada em 2000. Existem 2.700 fiscais na ativa entre Engenheiros Agrônomos, Farmacêuticos, Químicos, Médicos Veterinários e Zootecnistas que exercem suas funções para garantir qualidade de vida, saúde e segurança alimentar para as famílias brasileiras.

Confira edital, clicando aqui.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com