5 curiosidades sobre os Javalis

5 curiosidades sobre os Javalis

PARTILHAR
Foto Divulgação

Veja na matéria abaixo, 5 curiosidades surpreendentes sobre os Javalis, os porcos selvagens que estão causando pânico no Brasil e no Mundo!

Os javalis, esses porcos selvagens, relativamente comuns, podem ser muito mais agressivos e perigosos do que você é capaz de imaginar. Apesar de existirem várias subespécies de javalis no mundo, vamos focar hoje nos que são encontrados no território brasileiro.

Pode parecer bizarro afirmar isso, porém, de acordo com rankings de animais mais mortais do mundo, os javalis ganham dos tubarões em número de ataques aos seres humanos. Além dessa, veja algumas curiosidades sobre os javalis, esses ferozes animais.

Esses animais são extremamente ferozes e territoriais, vejam as curiosidades e ataques desses animais!

1 – O olfato é mais importante do que o sabor

Os javalis são bem pouco exigentes com os alimentos que consomem, já que são onívoros. O olfato é muito mais importante e desenvolvido do que a visão e a audição e, de acordo com alguns estudos, esses animais são capazes de farejar diferentes odores que estejam a mais de cinco quilômetros de distância.

Conforme pesquisadores da Universidade de Edimburgo constataram, os javalis não se importam com o alto teor de sal ou o odor repulsivo de alimentos, já que também consomem pequenos animais mortos ou carniças.

2 – Javalis atacam os humanos e até matam

Como possuem uma visão bastante falha, eles atacam os possíveis inimigos sem qualquer medo e, com seu peso, dentes afiados e longas presas, podem matar um ser humano facilmente. Se você avistar um javali, já sabe que é o momento de correr.

Durante muito tempo foi dito que os javalis eram animais que não atacavam os humanos. Entretanto, durante os últimos anos, os ataques a seres humanos está cada vez maior, principalmente na zona rural. Altamente perigosos, esses animais possuem presas que são verdadeiras armas de guerra.

Capazes de matar um homem adulto, além dos cortes e mordidas, as suas presas carregam um grande número de bactérias que causam infecção e geram maior dificuldade no tratamento.

Veja um caso que aterrorizou o Brasil:

3 – Javalis grisalhos e saudáveis

A revista científica Physiological and Biochemical Zoology publicou há algum tempo um estudo interessante que diz que os cabelos grisalhos em javalis indicam que eles são saudáveis, enquanto os que são mais avermelhados possuem células do corpo danificadas.

Contudo, se os javalis grisalhos são saudáveis, o mesmo não pode ser dito no caso dos seres humanos. Por enquanto, não há explicação de por que algumas pessoas ficam grisalhas jovens e outras somente com mais idade.

Se você encontrar com um javali grisalho, não ache que ele é caduco, corra porque ele é muito esperto.

4 – Javalis gigantes existem no Brasil

Os javalis normalmente medem entre 125 e 180 centímetros de comprimento e pesam entre 130 e 200 quilos. Os machos são consideravelmente maiores do que as fêmeas e possuem caninos maiores, com corpos robustos e estreitos.

Apesar dessas dimensões já conhecidas, caçadores do Brasil e o Ibama, já encontraram animais com até 350-390 kg. Normalmente, são machos mais velhos. Animais verdadeiramente gigantes!

São capazes de causar uma destruição nas lavouras que são verdadeiros prejuízos!

5 – Os Javalis são mais populosos em qual região?

A maior população de javalis no Brasil, está localizada no sul do país, mais precisamente em Santa Catarina. Segundo alguns estudos, a população é maior do que 200 mil animais.

Segundo os dados, esses animais já causaram em um único ataque, um prejuízo de mais de R$ 40 mil com a destruição de uma lavoura. Além disso, esses animais são capazes de transmitir a febre maculosa, assim como as capivaras.

Uma outra preocupação gigante do setor é quanto a peste suína. Segundo um levantamento da CNA, eles são capazes de transmitir a doença e gerar um prejuízo para o setor de suínos de mais de R$ 50 bilhões!

Aproveite essas curiosidades e compartilhe!

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com